Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A PEDINDO INFORMAÇÃO PARA O PM

Estava de serviço na praça da Sé quando uma mulher veio pedir informação sobre um endereço, ela era loira mais ou menos 1,70 pernas grossas seios medios e usava um vestidinho leve sem sutian, tive de fazer muito esforço para não ficar secando mas o cacetete ja ficou pronto para o serviço, ela notou minha situação e ficou meio sem graça e fingiu que não percebeu mas ficou toda vermelha, depois de explicar ela agradeceu e foi embora. Quase no final do serviço eu a vi passando e perguntei se havia achado o local ela respondeu que sim e começamos a conversar, ela me disse que era do interior e estava recomeçando a vida em na capital depois de um divorcio dificil, disse que não queria mais saber de compromisso e iria aproveitar a vida, dai para frente o papo começou a ficar mais quente e ela falou que tinha sempre teve uma tara em homens fardado, então eu disse que se ela provasse um policial nunca mais ia querer outra coisa, ela provocou e disse que não embora nás fossemos bem treinados eu não conseguiria dar conta do recado devido ao fogo que ela tinha principalmente por fazer alguns meses que não transava, então eu disse que não existia crise grande o suficiente para um policial resolver ela riu e eu a convidei para tomar algo ja que estava saindo de serviço. Logo que chegou a minha rendição ná saimos e eu a levei a um hotel proximo da praça ficou meio apreensiva em entrar mas ja dentro ja foi segurando meu pau por cima da calça e me beijando como eu estava fardado a virei de costa e algemei suas mãos para tras fingindo que a estava revistando e comecei subindo passando as mão pelas pernas até a virilha pulando paras a costa até a nuca descendo pela barriga e quando cheguei a virilha novamente puxei a calcinha para o lado e passei de leve o dedo em sua bucetinha que estava ensopada, ela começou a rebolar então por tras comecei a lamber sua buceta que escorria de tanto tesão ela implorava para eu enfiar o pau em sua buceta. Coloquei ela de quatro na cama e batia em sua bunda chamando ela de cachorra então soltei a algema e coloquei meu pau para fora da calça e dei para ela chupar depois de um tempo comecei a pincelar o meu pau em sua buceta ela enpurrava para tras para entrar eu não deixava sá judiava então ela me empurrou para cama e sem dá sentou no meu pau e começou a rebolar que nem louca dizendo que ia gozar me chamando de filho da puta me mandando apertar a bunda dela, depois que gozou deitou no meu peito. tirei o resto da minha roupae fui tomar um banho quando ela entrou no banheiro reclamando que queria me ver gozando na sua bucetinha, fomos para a cama novamente com ela me puxando pelo pau ela deitou e ja fui me encaixando ela pessou perna na minha cintura e começamos a meter de novo com força até que ela gozou de novo não demorou muito eu gozei tambem e fomos terminar o banho que eu tinha começado quando saimos do banho transamos mais uma vez e fomos embora combinando nos encontrar outro dia com mais tempo. Na proxima conto como foi o nosso segundo encontro. me escrevam dizendo o que acharam da minha aventura msn [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico meu compadrer e minha esposaincesto furapornocontos eroticos comi a novinha crentecontos eroticos de corno e viadocontos bato punhetaver relato picantes da professora transando com a aluna sexocontos eróticos traição com jardineiroputinha do papai desde-conto eroticohomem sendo estrupado en oficinacontos passando pomado no cu da mamaecontos heroicos deflorada pelo cao d mamaerelatos hetero casado que deu o cucontos eróticos mamãe deu o cu eu vichapuleta inchada no cuzinho contos eroticos garotinhaMeu marido comeu a minha filhacontos de tia limpando a casatitia de shortinho conto eroticodeixo penetrar sem camisinhaMaicon tá doida ela me pediu pra comer sua esposa na frente delecomendo a namorada e da dona da locadoracomi minha mae na frente da minha vo contos eroticoscontos um anjo de sobrinhacontos diaristas safadas fotosFAMÍLIA LINDA CONTOS ERÓTICOSeu quero história comendo a minha vizinha e ela nem dá bolacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto sentado no colo e jogandocontos eroticos dando leite priminhacontos erotico maridos camaradaContos eroticoshospitalcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html xcontos de familia minha familia w evangelica mas fpmos na praia de nutismoConto erótico pausudo capixabafidendo uma nnda gigabte carnudacache:oIMLEWITCAIJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=99 contos eroticos flagrei minha mae fudendo com travestichantageada e humilhada pela empregada negracontos eroticos comendo o cachorro da ruacontos de incesto cumadre dificilcontos perdi minha virgindade com casadoconto erótico transei com senhora crente e filha juntascontos eroticos filha novinha da empregada"que buracao" gay contoele pega ela nos ombros pra chupar sua bucetaContos eroticos comendo a policialagora sou viado dominado pelo machoconto erótico penha SC praiapornobuceta.com/homens so quer saber de mamar em peitoes das safadasconto porno alargando a xanaconto gay flagrei meu pai massageando o cucomendo coroa safada do prédio contos eróticoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico travesti desobediente castigada pelo donoconto sexo coroa ricaço esposaContos eróticos com travestis e casais em campinas fui enrabado pe lo o yravesti na baladacontos de corno como minha mulher aguentou cazero jumentaõ metedo na bucetinha delaconto de moçinhas inocentesQuero ler tudo sobre as transas mais alucinante tudo narrada em todos os detalhesconto erotico gay: tenho cinquwnta anos e dei meu rabo para um garoto de desessetecomendo ela de saia com vizita discretamentena viajem de trabalho a mulher transa com o chefe e gostou contocontos de caralho nas mamascontos eróticos sentada no colo do padrasto na frente da mãe na hora da jantacontos eróticos esposa de 60anos com farra na camacontos eroticos travesti ativa camioneiracontos eróticos trai meu marido numa rapidinhaNelma Putinha Angolana Rabudaacidentado comi minha sogra contosSinto tesão quando escuto os vizinhosmeu carçereiro gostosomuhleres quecavalo tramsa com animalfodida junto com o marido contos eróticoscontos sexuais de jessica no carrocontos gays transei com meu amigo