Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA MENININHA MUITO AMADA - NOVIDADES

Olá, como estão. Estava com saudades de escrever para vocês, continuar contando como nossa família é feliz e como nos amamos. Algumas coisas já aconteceram em casa, que não tive oportunidade de contar, como o dia que minha irmãzinha perdeu o cabacinho para o meu paizinho. Foi um dia lindo e muito especial, comemoramos muito aquele momento. Minha irmãzinha agora é também uma mulherzinha. Eu e meu paizinho continuamos a viver como marido e mulher, e isso foi se firmando cada vez mais. Hoje eu sou tratada como sua mulherzinha, a dona da casa. Meu irmãozinho, que é mais velho, também gosta de dar o cuzinho para o papai, mas não deixa de participar de nossos momentos de carinho, meu paizinho permite que ele como nossa irmãzinha. Claro que a mim ele não pode comer, somente meu paizinho pode ter esse privilégio, mas meu irmãozinho pode manifestar seu carinho de outra maneira, chupando minha bocetinha, por exemplo, enquanto papai come seu cuzinho.

Minha irmãzinha é o neném mais submisso da casa, uma gracinha, linda, meiga, sempre disposta a nos servir. Ela é um denguinho, a amamos muito, ela é nosso bichinho de estimação. Aliás, ela adora ficar deitada aos nossos pés quando estamos na sala vendo TV. Meu paizinho fica fazendo carinhos em sua cabeça, com ela enrolada em sua perna. Algumas vezes meu paizinho, em uma demonstração de carinho, por ela ser tão dácil, diz a ela “vem neném (esse é o apelido dela), vira essa bocetinha para o papai ficar acariciando enquanto eu e sua maninha vemos TV”, ela vem, beija ele na boca em agradecimento, me beija nos lábios com aquela boquinha molhada mais linda, se deita de forma a deixar sua bocetinha bem exposta e papai fica dedilhando ela enquanto vemos TV. Ela goza baixinho, gemendo, dando um grunhudinho baixinho, como um bichinho, é lindo de se ver. A amamos mais que tudo na vida.

Aliás, neném esta prenha (grávida) de papai. Ela esta linda com aquela sua barriguinha redonda e seus peitinhos cheios.

Um dia meu paizinho veio conversar comigo e dizer que viu neném passando mal, e que ela poderia estar grávida e como há muito tempo somente meu paizinho a estava comendo, pois meu maninho tem preferido muito mais dar o cuzinho, então papai tinha certeza que era dele. Perguntou-me se eu estava com ciúmes e eu disse que não claro, pois todos em casa amamos neném. Depois da confirmação da gravidez foi a maior festa em casa. Apesar de eu ser a mulherzinha de meu paizinho, não fiquei nem um pouco enciumada da gravidez de minha irmãzinha, afinal eu também a amava e sabia que ela tinha uma total adoração por mim, adorava fazer amor comigo, assim como adoro poder ficar brincando com a bocetinha dela.

Eu e papai estamos curtindo essa gravidez, como se nosso bichinho de estimação, aqueles que amamos com adoração, estivesse ficado prenho, e estivéssemos aguardando o nascimento de seu filhotinho com a maior alegria. Adoramos neném, ela é nosso docinho.

à noite quando estamos para dormir a chamo para nossa cama, minha e de papai, e peço a ela, “maninha, mama a minha bocetinha pra que eu durma gostoso vai”, ela vem, se aninha entre minhas pernas e fica mamando na minha bocetinha até eu gozar profundamente. Papi também brinca com ela antes de dormir, ele chega, faz carinhos em sua bocetinha e pede para ela mamar em meus seios enquanto ele a come. Neném chega, fica sugando meus seios e papai come sua bocetinha gordinha de mocinha grávida. É lindo.

Em breve teremos em casa outro tipo de leitinho, além do de papai, teremos também o de minha maninha. Espero que ela seja bastante leiteira para alimentar a todos nás que estamos esperando por esse momento.

Meu irmãozinho esta de mudança para o exterior, irá morar na Suíça, estudará lá. Ele ao mesmo tempo em que esta adorando a idéia de ir, esta muito triste em ter que nos deixar. Papai sempre o esta colocando no colo, lhe dando beijos na boca, dizendo o quanto o ama e o quanto vai sentir sua falta. Ele diz que não sabe se vai aguentar ficar sem o paizinho dele. Papai nesse momento o abraça, fica fazendo carinhos em seu cuzinho, dedilhando e beijando sua boquinha, trocam carinhos e palavras de amor. Sei que meu irmãozinho irá sentir muita falta da gente, afinal somos muito apegados, nunca nos separamos, essa será a primeira vez.

Hoje esse conto não teve muitas cenas de sexo, mas queria somente contar, para as muitas pessoas que escreveram perguntando, como é a nossa família e como estamos.

Em breve voltarei a escrever, e contarei mais de nosso dia a dia. Um beijo a todos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos crossdressmulher com uma bu dando nda inmencaA obesa bebada caida de short contoContos eróticos estuprada no ónibuscontoseroticos/maeiniciandofilhahomem sendo estrupado en oficinacontos eroticos amamentacaomarido da mae bolina menina contoscontos eroticos massagem papaiele implorou e eu engoli sua porraconto erotico chupada pelos meninoscdzinhas como tudo começou contosconto erotico sogro na piscinaLóira safada narra conto metendo na coberturaContos de insestos com irmacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu chefe me chupouFilha babando pau do pai contoseroticosmulher sentada e retando calcinha para homen ver sua bucetaContos prima hermafroditaume homeme chopano uma buseta da mulhe ate ela gozacomo e que aimha vagina abre na hora do sexo?contos eroticos de muleque dando o cuestórias eróticas abusivascontos eróticos ninfeta bem novinha com 10 aninhosdormindo ao lado conto eróticocontos eroticos a.xasada dot trabalhoconto erotico vendo meu subrinho mamando pedi um pouco para minha irmaconto comeram minha mulher bebadaputão na vara contosTransei com meu sogro contogorda lendo jornal e der repente e fuda por dois caras um na buceta peluda e outro no cuConto estrupada pelo pelo padrinhoesposa depilando no banho contoscontos lesbico meus pais viajaramcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos brincando pique escondefotos d sexo c papais fudendo entiadas bem selvagens.contos eroticos de incesto: viajando com a mamaecontos com sogras acima de 50anos pornôconto comi meu enteado na piscinatocu de proposito pornodoudocontos eroticos cunhada e sogrAcontos eroticos que saudade da lingua dela na minha bquase matei amiga da minha mae contosconto erotico incesto colocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos de sogras velhas crentes rabudas dando o cuconto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhaporno doido zoofilia de cachorro lambendo a xota de suas donas no pirno doidojapa viuva fodida forte no cu por genrocontos eroticos assaltocontos coroas negras tiascontos sem calcinha no colocontos eróticos no elevadorconto erótico na despedida de solteiro do meu cunhado novinha transa com eleeu e meu irmao contoscontos eroticos ousados em lugares publicoscontos eroticos gays com gesseirosNunca desconfiei do primo da minha namorada. Contoscontos eróticos minha mulher arrombada surubacontos chantagiei minha mae e mi dei bemso contos de màe dando o cu para filho aronbandocontos me tornei uma fêmeaporno conto mae gravedaseu madruga coloca pau no cu da dona florindacontos eroticos ccb viuvas safadascoroa de cabelos branco enchuta dando gostosoviajo da bundona aqui na Dona a mostrando o c*conto erótico Amor proibido!!!! Amor Materno!!! Comtosrelatosreaiscontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscu ardidocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente