Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

1º CONTO: COMO APRENDI A GOSTAR DE DAR PRA NEGRO

Ola. Meu nome é Andre tenho 29 anos e moro em Sao PauloSP.

Sempre curti mulher e acho que ninca vou deixar de comer uma xoxota. Mas uma coisa que tambem acho que nunca vou deixar de fazer é dar pra outro cara. Nao sou nada afeminado, acho que sou um heterosexual com leves tendencias bi. Nao curto beijar na boca (apesar de ja ter rolado) e nao curto comer outro cara, so se for teens.

Gosto apenas de mamar e dar e umas pegaçoes tbem. Gosto de pauzudos, com rola grande.

Nao saio frequentemente com outro cara (sempre com camisinha). Em media uma vez a cada 3 meses. E se rolar legal trocamos telefones e podemos marcar outras vezes.

Geralmente entro e conheço alguem na sala de batepapo GAY-SAO PAULO do UOL.

Um dia um anuncio de um cara Negro me chamou a atençao. Sinceramente ate aquele dia nunca tinha me passado na cabeça em sair com um Negro, mas a sua discriçao na sala me chamou a atençao. Enquanto analisava se falava com ele curiosamente ele veio falar comigo. Começamos a conversar e ele me disse que morava em Santo Andre mas que estava no trabalho de um amigo que trabalha de segurnaça noturno numa empresa que por coicidencia ficava a 5 minutos de carro de onde eu moro.

Convermos um pouco e estavamos nos entendendo muito bem, mas ainda tinha a questao dele ser Negro. Mesmo assim marcamos um encontro no estacionamento de um supermerdaco que fica proximo a minha casa.

Cheguei e ja o vi de longe. Um Negrao mesmo de 1,85 de altura.

Nesse momento toda minha vontade dar pra um negao que tinha dentro de mim mas eu nao sabia que tinha estourou dentro de mim.

Apesar de morar sozinho nunca quis levar ninguem pra minha casa, principalmente no primeiro encontro, entao ja havia dito que nao tinha local.

Ele entrou no carro nos cumprimentamos eu ja estava de pau duro louco pra pegar naquele pauzao e conferir se era grande mesmo como ela havia dito.

Conversamo um pouco enquanto andavamos de carro e perguntei o que ele queria fazer. Ele me perguntou se eu estava mesmo afim que que ele estava. Que nao fazia questao de local nao e que se eu nao me importasse poderiamos parar o carro em algum lugar que eu achasse seguro que poderia rolar.

Parei o carro enfrente a um conjunto de predios proximo a minha casa onde ficam varios carros parados e meu carro tem insul-film forte.

Eu sentado no banco do motorista e ele no de passageiro, começei pegando no seu pau por cima da calça, Qdo ja estava duro ela abriu o ziper e baixou as calça ficando so de cueca. Baixe um pouco o encosto do banco e puxei seu pau pra fora.



-Hummm, que delicia de pau!!!



Era um pauzao preto, inclusive a cabeça. Nao era um pau grossao como eu gosto, mas era grande. Nunca tinha dado pra um pau daquele tamanho.

Comecei a chupar gostoso. Uma coisa que sei fazer eu chupar um pau. Ele começou a gemer forçando cada ver mais o pau ca minha boca, quase me fazendo engasgar. Eu imaginava:



-Nossa, qua pauzao gostoso esse filho da puta tem!!!



Fiqeu mamando aquele pauzao uns 5 minutos quando ele me disse:



-Vira, deixa eu comer seu rabo!!!



Deitei um pouco me banco, Enquanto ele colocava camisinha passei o gel em mim, me virei na posiçao e ele começou a penetrar. So que tenho um pequeno problema. Nunca consigo aguentar a pemeira enfiada de rola. Depois de penetrar sinto muita dor. Ai tem que tirar e colocar de novo.

E com ele nao foi diferente. Sentia aquele pauzao entrando em mim e nao acabava mais. Pedi pra ele tirar e foi o que ele fez rapidamente.

Passei mais um pouco de gel e mandei ele colocar de novo. Senti cada centimetro daquele pauzao entrando em mim outra vez. Cara que delicia!!! Eu deitado no banco de lado, de frente para a porta com um dos pes jogados encima do painel do carro dando pra um Negrao pauzido e ele de lado, de costas pra porta mentendo no meu cu. Pensar nisso me da tesao ate hoje.

Noooossa ele metia forte. Ja nao estava mais aguentando. Queria parar mas tambem continuar. Me lembro que seguei no sinto de segurança e pensava.



"Eu tenho que aguentar!!! Uma pazao preto me comendo gostoso eu tenho que aguentar"



E eu dizia tudo isso em voz alta tbem, ate que ele gozou me comendo.

Apesar do tesao respirei aliviado.

Trocamos telefones e deixei-o no ponto de onibus para ir embora.



Hoje prefiro dar pra Negao mas se for pauzudo pode ser de qualquer raça.



Depois dessa vez nos vimos outras vezes. Ficamos sem nos ver ate que um dia nos encontramos sem querer na sala de bate papo. Me recordei da sua discriçao do li novamente.



Ele estava novamente no trabalho do seu amigo aqui proximo. Marcamos uma trepada nesse mesmo dia. Rolou la no tralhodo do amigo.



Mas ai é uma outra historia que vou contar pra vcs. Inclusive tem novidade que nem eu esperava.



Ate a proxima

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de sexo gay insesto depilaçãocontos ninfeta lesbica fodde casada hererocontos eroticos gays romance primocontos eróticos ana paula bundinhacontos eroticos com cu ragadoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteMinha esposa obesa dormiu bebada e gozou dentro contoEstuprada pelos cachorros contos eroticosveha gostoza fais orau no negaocontos eróticos bem maior que a do.meucontos eroticos fui comida igual puta e chingadavidio pono mae e filha dero o cu para dotadoPutinha do papai negro contos eróticosContos de leitores reais swingcontos ninfeta lesbica fodde casada hereroconto erótico vizinhaContos eroticos- meu pai me xingando no sexogarota apostou qui aquenta da o cupotranca de mini saia fodendodormindo ao lado conto eróticocontos erotikos coroa so leva no cu pois esta de chicoconto sexo coroa ricaço esposafui fudido no fliperama contos pornô Foto picudo estotando a bucetinha da casadapivete de penes de fora e tocando puietaminha iniciacao na zoofiliaConto erotico papai alopradoconto erotico doce bruninha novinha no colocontos eroticos minha sogra franciscacontos eróticos gay e casal bimarido dormiu eu me depilei toda contoscontos eroticos seios com leitecontos sem pudor com a menininhaanã puta contocontos eróticos encaixada viado da bunda grande no ônibusprima safadinha querendo me dar escondido da minha tiaquem já levou estocada no rabocontos gay pai castigofoto de travestis arreganhadas de frentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos dois gemeos chupandocontos eroticos coroa velhobucrtinas novinhas assistindo um filme no sofá chupando uma rola grossaconto eróticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentenovinhas e tao depravadasbuceta gegadeContos eroticos da esposa safada com o marido deficienteconto gay de pai com vaqueirocontos eroticos so de pensar gozocontos com fotos filha peituda ruiva gostosa de babydollcontos er peitinhos em formaçaoconto - ela ficou com/ o cuzinho doloridocontos eróticos minha namorada e amigo no banheiro juntoscontos eróticos peguei minha cunhada no banheirocontos er dirigindo no coloconto erótico sentada melpegando hetero casado conto gayMeu Rabo me fazCornos by contoscoroas ensaboando cacete do jovencontos eróticos aiiii tesão chupa a buceta aiiicontos eróticos comeram meu cu o onibus lotado com meu marido do lado e não viuEu Bêbado e Ela Se Aproveitou Contos Eróticospuro sexo sou muito deliciosa viajei com meu filho conto incestoContos ertico tia negrachantagem zofilia e insesto conto eroticocontos eroticos de trocando filhascontos meu vizinho taradocontos de mulheres ninfomaniaca por sexo