Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PERDI MEU CABAÇO PARA MEU TIO

Oi, me chamo Fernanda. Tenho quase 19 anos, sou branca, cabelos castanhos e um corpo muito legal. O que vou contar é verdadeiro. Tudo aconteceu quando eu tinha 19 anos. Fui passar as férias de julho em Fortaleza com meu tio e tia. Era meu presente de aniversário. Meu tio alugou um quarto e sala na Praia de Iracema e fomos para ficar um mês. Mas, faltando uma semana para terminar as férias minha tia, que é advogada recebeu um telefonema para voltar para uma audiência. Meu tio disse que voltaríamos todos, mas minha tia fez questão que terminássemos as férias, afinal sá faltavam quatro dias. E assim, na segunda-feira minha tia viajou e fiquei sá com meu tio Paulo. Meu tio tem 50 anos, mas é sarado (Ele faz academia). Fizemos o de sempre. Praia, shoping e à noite, como de costume fomos dormir. Eu fiquei com a cama e meu tio dormia na rede por cima da cama. Meu tio passava à noite vendo filme no DVD e, para não acordar deixva sá na legenda. Eu vestia uma camisola branca e calcinha vermelha. Como eu sempre fui íntima dos meus tios não me preocupei muito, afinal era meu tio e eu sempre passava os fins de semanas com eles. Adormeci. Já era bem tarde qundo eu acordei e vi meu tio ainda assistindo filme. Do jeito que eu estava minha cabeça ficava na parte escura da cama, mas meu corpo estava iluminado pela luz da TV. Fui me ajeitar e sem querer minhas coxas ficaram descobertas. Ia cobrí-las quando vi que meu tio estava olhando para elas. Fingi dormir e não me mexi. De repente, meu tio com cuidado começou a puxar o lençol. Meu coração disparou e eu não sabia o que fazer. Continuei fingindo que dormia. Meu tio então puxou todo o lençol e eu fique com a calcinha de fora. Então meu tio vagarosamente começou a passar o dedo na minha bocetinha. Senti que fiquei toda molhadinha. Meu tio então foi mais ousado e foi tirando minha calcinha devagar até me deixar nua, com meus pelinhos e minha bocetinha aparecendo. Então ele começou a passar o dedo na minha boceta e na boca. Comecei a tremer. Nunca tinha sentido aquela sensação. Então meu tio tirou o pijama e eu vi, pela primeira vez na minha vida, um pau duro. Era lindo, não muito grande porém grosso. Então meu tio começou a esfregar aquele pau na minha bocetinha de virgem. Eu comecei a gemer e a tremer toda. Meu tio então tirou minha camisola e me deixou completamente nua e, a seguir começou a chupar meus peitinhos e esfregar o pau na minha boceta. Não podia mais fingir que dormia e começei a gemer alto. Eu queria aquele pau dentro de mim. Mas meu tio sabia que eu era virgem e ficou sá esfregando o pau na minha boceta. Então resolvi ir em frente. Peguei o pau de meu tio e fui colocando na minha boceta, e pedi: me fode, tio. Tira meu cabaço. Meu tio então, ainda meio surpreso, começou a enfiar o pau na minha boceta e falava: diz que tu és minha putinha. E eu dizia: sou tua putinha... me fode tio.. me come. De repente senti uma dorzinha e logo senti que o pau do meu tio estava dentro de mim. Fiquei louca e gritava: sou puta.. quero teu pau.. e meu tio me fodia e me mordia. Eu nunca pensei que era tão bom. Queria mais. De repente, eu senti meu corpo tremer todo e começei a gritar como louca. Eu estava gozando pela primeira vez e, no pau do meu tio. Eu gritava: me fode... tira meu cabaço... tiozinho... me come... e meu tio gritava.., sua putinha vadia e enfiava cada vez mais fundo o pau na minha boceta. Até que de repente ele tirou o pau e colocou na minha boca e eu senti aquele líquido quente sair do pau e inundar minha garganta. Meu tio gritava: engole sua vadia... engole tudo. E eu engoli cada gota. Depois, meu tio enfiou o pau de novo na mihaa boceta e mais uma vez eu gozei e gritei..come minha boceta, tio. Não sei quantas vezes eu gozei.Dormi abraçada no meu tio. De manhã meu tio me comeu mais uma vez. Nos três dias que ficamos juntos nás fodemos todas as horas. Na cozinha, no chão da sala, no banheiro. Assim perdi meu cabaço para o meu tio. Já faz dois anos e até hoje nás damos um jeito de nos encontrarmos e transarmos. Uma vez ele me comeu enquanto minha tia estava tomando banho. Aprendi a foder com meu tio. Hoje, gosto de dar. Meu tio gosta que eu conte prá ele minhas transas. Depois me come.

Se alguém passou por essa experiência ou quiser trocar idéias comigo.. meu e-mail é: [email protected]

,

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos meu irmaozinnho me mostrou o seu pintinhocoroa da bunda gigante conto eroticoComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paimulher toda gostosa se esfregando em salao de forroesposa seria se bronzeando em casa contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepeitinho e ppipocas peludascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteeu comi mimha empregada rru confessoorgiacache.por.netcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteLora dismaiando no cu no anal em tres minutosContos meu cu mordei o pal enormecontos comendo mulher na despedida de solteira no carnavalconto erotico comendo minha sogra minha dobrinha pegou no fragaeu e minha filha no baile funk contos eroticoscontos eroticos tava todos na praia eu vim buscar minha sogra que tava trabalhamarido chupando a x*** delacontos eroticos de novinhos narrando sua primeira vez tendo o cu arrombadocontos eroticos mulher santinhasamarradas vidios pornos enfermeiras sultiansnovinhas e tao depravadascontos eróticos de virgemVideo de travesti comendo a sobrinha de camisolinhavideos porno pai afunda as tanga da filha virgeme foi assim que comeram minha esposacontos pornôs vingança marido transformar esposa em putaconto+foi+arebentado+grupo+travestesconto erotico com padrastopai é gostoso contos eroticosninfetinha com amiga dando sopa contos eroticos.contos eróticos bondage estupro tortura mulheres que gostam de sentir dor e prezercache:http://okinawa-ufa.ru/conto_20940_assalto-no-condominio.htmlcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos chuva molhadacontos de homem que comeu a sogra e a esposacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos carona q virei cornoele me seduzio e quebrou meu cabaço historeas reaiscasa do conto pagando pra fazer sexo com a cunhadagostosas com mini calsinha saindo o beisinho da buseta de ladapalestra buceta divididacontos eroticosamigo se veste de mulher para dar o c* para o amigoContos eroticos que cuzinhomas gostoso do filho da minha esposacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de mãe comendo cuzinho do filho mais novo inversão de papeiscontos eroticos me encostou na paredeviciei em fazer sexo com mendigospapai me come porfavor contos eroticosconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem domulher sentada e retando calcinha para homen ver sua bucetacomi minha sogra na cama delacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteo pai da minha amoginha me comeu contosconto duas irmas novatas e safadas peladas e meladas de manteiga no cuo bundao do amigo virada pra mim sexo gostoso bunda enorme. contos gaysNovinha enlouqueçeu os pedreirospornodoido mae prendeu a mao na pia e filho transou com elacontos eróticos gay pai e filho no banheirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico minha namorada e meu tiocontos eroticos minha amiga convidou um piçudo pra nos fodercontos eroticos gays,tio jorge me feis mulhersinhacoki a amiga da esposa contosconto erotico sobrinhacontos eroticos colocaram o dedo no meu cuzinhoContos eroticos estupros coletivos veriticosconto erotico de coroaIrmã Seduz O Irmão (contos Eroticosconto meu padrasto me viu dançando funk e me deu uma surracontos eroticos gay ele bem novinho ja usava calcinha e dormia de camisolacontos eroticos arrombando a gordadesenho pornos dos flinstones corno