Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FEITOPRASEXO-01

Desde pequeno sempre fui muito assediado pelas gatinhas. Bom, mas esse conto não é pra falar das gatinhas e sim dos carinhas, principalmente o primeiro, que se chamava Felipe de 19 anos, branco, 1,69m, uns 60kg, olhos castanho-esverdeados, cabelos escuros, dono de uma rola de uns 17cm. Eu com 19 anos, branco, 1,72m, 63kg, olhos e cabelos castanhos claros e 16cm de rola. Felipe era meu melhor amigo, pra desgosto das professoras, pois eu era tido como uns dos melhores alunos e ele o contrário. Tinhamos uma verdadeira fixação pela aula de educação física, adoravamos jogar futebol e basquete na quadra da escola. Estavamos na 7ª série de manhã. A tarde por volta das 14hs aula na quadra. Sentia uma enorme atração pelo Felipe e guardava pra mim aquilo tudo. Azaravamos e bolavamos altos planos pra pegar as minas e fuder, mas sempre dava tudo errado! rs Típicos brothers que viviam com sexo na cabeça, eu batia umas 2 punhetas todos os dias. Depois das aulas vinha com ele e brincava num loteamento, onde sá haviam ruas de terra e nenhuma construção, sá mato e coloca mato nisso.

Um dia voltavamos pra casa depois de uma longa aula de educação física, ambos falando de sexo, e daí ficamos de pau duro. Caimos na gargalhada. Daí ambos começamos a admirar o volume de nossos paus pelo shorts. E no meio da rua eu disse que bateria uma pra ele se ele fizesse o mesmo pra mim. Até hoje não acredito que disse isso! rs E ele topou. Depois soube que ele também estava afim fazia um tempinho de ficar comigo. Começamos a procurar um lugar tranquilo pra fazer nosso troca-troca, achamos um lugar bem longe de qualquer outro lugar, era limpo e dava pra brincar-mos sem preocupação. Tiramos nossos paus pra fora e ficamos brincando um com o outro. Nos empolgamos e discutimos sobre um fazer boquete pro outro, par ou impar... perdi e tive que cair de boca. Felipe dava cabeçada no céu da minha boca e gemia gostoso. A príncipio senti nojo, mas com o tempo até que chupei gostoso aquela pica. Na vez dele eu achei que ele enrolou e não me deu a satisfação que dei a ele, mas curti gostoso aquela chupeta. Daí não satisfeitos, discutimos sobre um comer a bunda do outro, dessa vez ganhei e comecei a comê-lo bem gostoso. Primeira vez que comia a bunda de um macho e me deliciei, bombei aquele cú ate o Felipe pedir pra eu terminar logo, enchi seu cuzinho de porra, uma delícia. Na minha vez foi duro, além de ser maior a dele tbm era grossa e meu amigo foi muito foda. Pedi para ele colocar que nem coloquei devagar, mas Felipe enfiou tudo depois da cabecinha, doeu demais. Ele agarrou minha cintura e parecia um tarado, nos primeiros 5 minutos doia demais, mas depois comecei a sentir um prazer que até antes achava impossível. Depois de muito bombar meu amigo encheu meu cú de porra quentinha. Daquele momento em diante começamos uma amizade nova, gostosa e insasiavel. Quando dava nos chupavamos e fodiamos muito na escola, no loteamento, nos trabalhos escolares. Não queriamos mais bater punhetas, achamos algo muito melhor pra fazer... sexo. E foi assim que eu descobri pra que vim ao mundo, fui feitoprasexo. E-mails para [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico meu marido bobãoempregadinha empolgadabobadinho condo o priminho gayminha bucetonae e muito apertadinha contoseroticoscontos eroticos as amigas da minha filhacontos eu minha esposa e um viadinhotitias chuponasa minha cunhada casada e saia justa contos com fotoscomtos.eroticos mimha esposa gosta de varias rolasporno cumi aronbei o cu de. que ela grito de maisconto gosto de usar roupas femininasconto erótico de mãe e filho no ônibusContos eroticos picantes arrombado novinhoconto gay "tem que implorar"transei com meu paivoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos chupei a buceta da namorada do meu amigo com ele olhando e me falando como chuparmulher casada vira p*** no baile do carnaval só transa com homem do p********* e grosso para vídeosa mulher do pasteleiro contocontos sexo minha mãe amor proibidoescorrer em sua coxa a baba da buceta dela contos eroticoscavalo goz de kuatu bucetaconto erotico fui no pagode e comi um travestiDeixando a novinha laceadahome afuder mulher com penis mais grandecontos eroticos na piscina com papaicontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos: puto dando ao ar livreconto erotico com padrastoconto arumei um pauzudo pra minha esposa e ela viciouconto gemendo no pau do pone taradocontos eroticos arrombando a gordaHistórias contos e relatos reais e atuais de incestos com mulheres gordinhas e com fotos delas peladascontos tirei sua ropa bem de vagar pra ela nao se acordacontoerotico safadaa mulher do meu amigo e muito safada contos eroticoscontos eroticos mae e filha fodendo o papaicdzinha de sorocababunda grandíssima contos eróticos priminha sapecaMinha mãe pois silicone contosconto erotico gata no meu colominha bucta greludacontos eroticosrebentando o cu da irma pequena contos marido de pau pequenocontos eróticos de casadas rabudas traindo seutratano da titia com rolanegrinho contos eroticosporno insesto na hora gue o tamanho do pau me asusteiContos dei meu cu com novel anosmeu sogro isasiavel comtocontos eroticos aconteceu e virei cornomasagista se marturbando no meio do espediente porconto bi vizinha gostosacasada se vendendo pro caminhoneiro-contosmulheres batendo punheta po patrao inche aboca de porracasa dos contos eroticos mamada no seio todo diacontos eroticos cdzinha virei menina pra agradar meu donoconto erótico a coroa tem um bucetao que deixa marca no shortinhoEu pipi pequeno comendo empregada contoscontos eroticos comendo minha filha casada e gordinhacontos eroticos botei um macho pra desvirginar minha filha maechaves comendo o cu de chiquinha no banheiroxxvideos tia chopano a sobrinha novinha contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevideo de homens nu de pau grosso e barriguinha salientecontos de casadas liberadapedreiro passando a língua no cu do afeminadocontos travesti no acampamentocontos arizinho comeu minha esposafiquei excitada e dei para um mendigocontos eroticos arrombando a gorda