Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O DONO DO MEU RABO

Tínhamos combinado que assim que entrássemos no quarto, eu tiraria minha roupa, ficaria de quatro na beirada cama e abriria minha bunda para que ele me enrabasse...E assim foi feito...







No caminho, dirigindo meu carro, apenas criava a cena na minha cabeça, cada vez mais nítida, e cada vez ficava mais excitada.







Me esperava, na porta do motel, naquele instante percebi o quanto desejava aquele homem dentro de mim, a lembrança de outros encontros me apareceu nitidamente...e senti saudade e reconheci que ele me fazia falta...com amigo...como cúmplice, como homem, como macho....







Entramos, e enquanto o aguardava pegar sua maleta no carro, meu cu piscava imaginando subir logo as escadas...E ser maravilhosamente fudida pelo meu macho.







Na suíte, ele já foi tirando o pau pra fora e mandando eu chupá-lo, ajoelhei-me na sua frente, e engoli aquele mastro delicioso que a tempo não chupava.







Enquanto o engolia, ele me xingava: "cachorra, vagabunda, vaca..." Cada palavra uma engolida,...E minha buceta escorria líquidos até o rabo...







Mandou-me ficar de quatro na cama, tirei apenas as roupas suficientes para ser enrabada, me posicionei, e senti a cabeça pincelar a bunda... “cachorra... Você está toda encharcada, vou meter de uma vez sá meu cassete nesse cu..." E assim o fez... Cuspiu, como sempre ele faz... Um cuspe certeiro, na porta do cu... E enterrou td, acho que eu estava tão excitada e tão desejosa de levar pau, que ele entrou sem dor... Alojou-se gostosamente entre minha entranhas...Via pelo espelho a cara de tesão que meu dono fazia, uma delicia...E seu pau maravilhosamente me fudia...Gozei molhando a cama...Com os dedos peguei meu gozo e me virando um pouco, passei pela boca dele...Pela barba...Seu pau atolava no meu rabo...Cada vez mais e então, foi à vez dele gritar gozando: que ia encher meu rabo de porra...E senti seu cassete inchando deliciosamente no meu rabo arrombado.







Sá aí realmente nos cumprimentamos, um oi cheio de desejos e gozos, não podia ser mais gostoso para matar a saudade de meses sem sentir aquele pau delicioso dentro de mim.







Durante nossa conversa, sentia a porra do meu macho escorrendo pela minha bunda e pelas minhas coxas, não tem sensação melhor que essa, de ter sido possuída deliciosamente. Ficava brincando com seu pau...Sabia que com alguns toques e relembrando nossa foda, seu pau armaria novamente.







Fui lambendo meu dono, pescoço, tárax, mamilos, barriga, pau, tentei colocar suas bolas na boca, fui abrindo suas pernas para poder alcançar meu objetivo...Seu cu... Sei que ele adora minha língua no seu rabo. Pedi para que ele ficasse de quatro pra mim, imediatamente meu homem, empurrou o pau para trás, e com a língua dentro do seu rabo, massageava seu pau e suas bolas. Eu babei tanto no cu do meu macho, que a saliva escorreu pelo saco e pelo pau e minha língua ia junto...Um gosto maravilhoso, e seu pau cada vez mais duro.







Rapidamente, me pediu para que ficasse novamente de quatro e que arrebitasse bem a bunda, pq agora ele ia me esfolar: “abre a bunda vaca, abre que quero arrancar todas as pregas desse cu... você adora levar no cu né? Sua cachorra filha da puta...”. Meu cu recebeu mais uma vez aquele pau que mais parecia uma tora... Minha boceta pingava deliciosamente, eu pedia: tira sua porra de dentro com seu pau tira... Ele então atolou o pau no meu cu, e o tirou, molhado da sua porra da primeira gozada, e mandou que eu mamasse e tomasse todo seu leite: “engole puta... engole o leite do teu macho... engole a porra do teu cu..."







Meu macho sabe que adoro quando ele fala assim, que descreve exatamente o que pensa...O que sente. O quanto deseja e o quanto gosta de fuder comigo...Porque eu adoro foder com ele, adoro me sentir usada, adoro quando ele fica de pé na cama e me come, enfiando seu pau de cima pra baixo, estocando deliciosamente todo dentro do meu cu... Tira o pau, ajunta bastante saliva na boca e cospe... Meu cu pisca a cada cuspida... E ele olha paralisado a saliva escorrendo para dentro... E no exato instante que vê que realmente entrou... Atola profundamente o caralho...







Adoro quando ele mira minha imagem pro espelho e manda que eu assista como seu pau arromba meu cu...E fode minha boceta alternadamente...Não sei por onde mais gozo...Meu macho sabe me foder...







Enquanto alternava entre cu, buceta e boca...Pergunta-me onde quero receber porra dessa vez...: "Na boca... Quero tomar seu leite todo..." E ele vem... Segurando o cassete duro, agarra meus cabelos e enfia o cassete quase todo na minha boca, sinto ânsia... E ele diz: " Isso puta, engole todo o cassete do teu macho... Vou esporrar essa boca toda... Encher ela de leite... E você vai engolir tudo... Sua comidinha... Comida de puta... Porra grossa e quentinha!..." E assim o faz... e eu gozo recebendo aquele pau inchado na boca... e seu caldo maravilhoso...







Mais um intervalo, mais uma foda, agora meu homem, pega seu consolo para me foder na boceta, enquanto me fode o cu... Alterna com o pau e o consolo, fico à mercê desse homem, já não consigo nem retrucar, sá gemo, grito, peço mais pau e gozo... Ele definitivamente faz o que quer comigo, sabe que se resolver entrar todo dentro, nem vou cogitar a hipátese de não... O receberia todo, pau, dedos, língua, perna, braços... O quero todo... Usando-me... Fazendo-me gozar... Fudendo-me... Dando-me muito prazer... Deixando-me sem sentir as pernas... Com o cu ardendo, mas mesmo assim, querendo cada vez mais seu pau dentro...







Meu homem diz que vai tentar me fuder junto com o consolo, e tenta ajeitar os dois dentro da minha boceta... Mas o consolo me machuca um pouco...E meu homem...Pacientemente e carinhosamente...Diz que sá vai me arrombar o cu...Mais nada...



Mais uma vez, sinto seu caldo dentro de mim, sua porra morna lavando meu rabo...Sei que ele adora ver a porra saindo...Mas estou quase sem forças...Meu cu está tão laceado que não me obedece mais...







Meu homem sugere um banho gostoso, antes de irmos embora, apesar de não querer sair daquele quarto nunca mais, meu corpo pede uma ducha gostosa e refrescante, mas nem em qualquer divagação ou fantasia minha, imagino o que ainda está por vir...







Regulo o chuveiro para uma temperatura agradável, e começo a me ensaboar calmamente, meu cu e minha boceta estão ardidos, mas estou plenamente satisfeita de sexo... Como em todas as vezes que saímos, ele sabe como me satisfazer... Comentamos em meio a uma conversa agradável, o quanto estamos em sintonia quando a questão é putaria.







Nos entregamos sem medo, sem pudor, sem restrições, porque além de termos muito tesão um pelo outro, respeitamos todos os nossos desejos e limitações, e sabemos que nada que um fizer, o outro não vai gostar na mesma proporção.







De relance, vejo meu homem carinhosamente se punhetando, começo então a passar o sabonete sensualmente pelo corpo, meu dono diz: fica de joelhos...Vou mijar em você...”







Eu realmente tremo toda, sempre tive vontade, já havíamos comentado que era desejo de ambos isso, mas nunca tínhamos chegado a isso... E meu homem mira sua uretra nos meus peitos, e sinto os jatos saindo, esquentando meus bicos, meus peitos, minha barriga, escorrendo pelo meu colo... E os jatos continuam, quentes, os olhos do meu homem brilham, vejo seu pau endurecendo... E sorrio dizendo: Agora você me marcou definitivamente!







Levanto-me, e continuo meu banho com a ajuda do meu homem, suas mãos deslizam o sabonete pela minha bunda, e claro, instintivamente a levanto, quando seus dedos alcançam meu cu aberto, meu homem enlouquece...E enfiando os dedos nele diz: "Sua puta, olha como está esse cu, todo aberto, todo arrombado, que delícia, vou meter mais..." E enfia seu pau todo, de novo no meu cu quase sem pregas, sinto a cabeça do seu pau bater fundo, quase no estômago, o orgasmo vêm a jato, minhas pernas bambeiam, me amparo nas paredes do Box para não cair...E ele fode, num vai e vem sem fim, seu pau duro estocando sem parar...E meu homem goza, gritando e me xingando...A foda final, nosso melhor e mais intenso Êxtase...



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos erotico cuzinho o cu da mamaevideo porno de sogra chama o genro para sua casa par dar par elenovinha se escanxa no namorado da amiga enquanto ela dormebudao fudida por varios brutoshistoria de sexo real meu nome e renata sou carioca meu padrasto me cumeumeu irmão mim fudeu sem camisinha e eu fiquei gravidaeu conto sou casado meu cunhado fica passando um pau em mimhttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/m/conto_15870_passando-as-ferias.html&ei=bgqnDUSn&lc=pt-BR&s=1&m=438&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Cherei+cocaina+e+dei+o+cu&ts=1487814662&sig=AJsQQ1Bemzq3_O_w9-hLtHRrssFP6FcBcQcontos de corno loiracontos eroticos de vendedor velho gordo seduzindo a meninacontoerotico professorascontos de avo e pai q transavam.comcom.com filhas incestos contos eroticos menina bobinha no tremcontos eróticos meu primeiro apartamento garotinho teen gemendo no pau e rebolando gostosoMinha prima me cantou contosminha prima e uma jebacontos eroticos comendo o cachorro da ruaah e. mist traSado no chuveiroContos nossas filhascomi o cu de uma novinha de contagem contos eroticocomendo a cunhadinha lindinha contos eróticosconto erótico viadinho que adora apanhar e ser humilhadoconto a ninfeta sendo enrabada pelo o tioconto erótico meu inimigo banheirocontos eroticos arrombando a gordaa minha cunhada casada e saia justa contos com fotosIncesto do cu desde pequenoSou agora casada com meu ex primo viuvo conto eroticocontos bdsm erposas escrava submissa martapelado com uma travesti contos eróticosbarulho de xixi conto eroticoMeu vizinho tiro meu cabaço bebadacontos eroticos arrombando a gordabanho com a tia velha contocontos eroticos real de professora com velho pirocudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteFoto picudo estotando a bucetinha da casadacontos eroticos q bocA e essa desse baianovvidos de muler co casoro. fudemocontos eroticos a mae do meu amigocontos amor gayporn contos eroticos casada sendo enrrabada no barwww.conto mimha mae min torturou com vibradores na bucetaconto erotico comi o cu da minha irma em casacontos eroticos soniferocontos sexo estorando cu de velhamarido dormiu eu me depilei toda contoscasado chupa travesti contoGozando na boca Abrantes dela chuparmeu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavaler contos de jovens heteros iniciados por outro jovem no sexo gaycontos eroticos arrombando a gordaContos eróticos, ai tio, goza na minha mãocontos eroticos real sexo cm 13 aninhosconto erotico lara a experienteContos eroticos de amigos q fuderam as amigasconti gay minha tia me fagrou de calcinhaconto moreninha do cu largoMinha esposa é muito gostosa mais eu entreguei ela para outro homemContos no clube todos mus meu pai e seus amigos me fodemPai da menina foi espirrar e ela tomar banho depois já saiu do banheiro ele transou com elaEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DI CALCINHA FETICHE OLHONDO ESELHO MINH BUNDAcontos eroticos perdendo avirgindade encesto compadreporra minha secretária tem a bunda deliciacontos de zoofilia de itucomtos de vagabundas que gostão de fuderhttp://okinawa-ufa.ru/conto_25883_matei-minha-vontade-com-uma-travesti-linda.htmlContos eróticos de Gay Fui Dormir na casa do meu AmigoContos eronticos vendo novela tietacontos eroticos dei proconto erotico me fuderam no estádio otadomasturbando pelo telefone contos eroticorelatos eroticos tornado femeacache:WL60GUVYjnsJ:https://android-source.ru/mobile/conto-categoria_4_73_incesto.html cache:oIMLEWITCAIJ:okinawa-ufa.ru/home.php?pag=99 Contos eroticos neguin e cidaContos maes dando cu