Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SIMPLESMENTE KAREN

Vou conta pra vcs quando comi a Karen.rnBaixinha, corpinho mgnon, peitinhos grandes, arrebitados.rnDe Tocantis. Chegou ao RJ, morando sozinha, e perto do trabalho.rnComo era nova colava nos colegas pra almocar fds tudo.rnQueria descobrir o Rio, ...rnE foi se enturmando, cinema. Ate um dia que fui na casa dela. Bem ela sucumbiu aos meus encantos, eu aos dela, tinha muitos.rnO sexo foi forte, suado.rnDai eu comecei a prepara-la ia querer vela comida pelos meus amigos e minhas garotas.rnNao demorou muito. Um dia na minha casa, ela estranhou eu cumprimentar as garotas com selinho, umas outras com um beijo mais quente. O ambiente tava cheirando a sexo. Ela sentiu isso. So demorou a perceber que aquele encontro era por causa dela.rnA mulherada ansiosa pra comecar a noite e mergulhar naqueles mamilos e a rapaziada querendo sorve-la o liquen.rnA noite seria doce, ali tambem estavam umas garotas pela primeira vez, no final nao tinham mais vinte cabecas e maior parte mulher.rnIamos comecar o sabado nus uns por cima dos outros e a Karen iniciada na orgia no bacanal na surubarnDe fato nunca mais foi a mesma. Quem tem o celular dela, liga pra ela marca e ta la ela em todos os melhores swings.rnE virou especialista em iniciar casais nesse mundo.rnBem mas voltemos ao inicio. A iniciativa nao foi minha, um cara ja olhava ela. E ela ainda estava presa a ilusoria fidelidade a mim, presa a nossa primeira noite. Tinha que mostra-la a que vim para vida dela.rnProvoquei ela fiz ela ver quando guiei duas cabecas de meninas ao beijo mutuo. Houve extase geral. Era o sinal. Murmurei no ouvido do cara que a comia com os olhos, Sua vez! rnNao titubeou enquanto ela se surpreendia com aquela cena das garotas, ele ja estava atras dela com as maos em seus ombros, aquele choque de temperatura de corpos foi tambem o interruptor que a ligou a parte animal, mas ainda estava muito timida. Eu precisava liberta-la.rnVi um cara que ao inves de entrar no espirito sexy da coisa contentava se a se bulinar por baixo das calcas. Eu nao queria aquilo. Por tras sensualmente pra ela ver e ativar o resto, entrei com as minhas maos por dentro daquela calca.rnAquele membro era meu, e ia libertando o para o mundo exterior, por fim o cara estava com calca arriada e o pau a mostra.rnMas eu queria aticar. Ele recuava por que pego de surpresa, de certo ele queria uma mao feminina ali no meu lugar, mas algumas meninas ainda inclusive Karen ainda nao tinha se rendido.rnNo que ia recuando na verdade ele ia se encostando ate cair em uma poltrona.rnFoi a deixa ele caiu sentado em cima de mim. E um mais esperto, foi la e abocanhou aquela vara. Pronto as mulheres que se beijavam pararam pra ver aquela cena.rnKaren agora resistia ao cara que tentava desnuda-la. Fui em sua direcao precisava ajudar o cara a come-la.rnCheguei e ela se aliviava com a minha proximidade quando me viu ajudar o cara a desnuda-la.rnMas tambem tinha a visao que a entretia daqueles dois caras se chupando e as garotas agora chupando a esposa de um cara que estava no recinto.rnTanta coisa acontecendo que nao deu pra da conta, ja estava so de calcinha e sutian.rnVia se ali que daquele momento em diante decidiu nao resistir. Beijou o cara. Pronto! fui atras de extender a festa, queria ver um outro cara pra ela queria dividi-la ali com os caras que estavam ali. rnBem tirar gemidos tremedeira e espasmos de uma garota em orgasmo e simplesmente gozante.rnVer que Karen nao dava conta dos sucessivos orgasmos, era simplesmente demais.rnMas queria mais. Eu sabia que seria ali a primeira vez que seria chupada por uma garota. Escolhi uma indiazinha pra fazer o trabalho.rnEnquanto isso eu providenciava pra ela beber leitinho. E bebeu muito.rnBem eu sinceramente la pelas tantas fiquei tao interessada na indiazinha que esqueci a Karen e quando fui reencontra-la ela estava atracada com tres lindas meninas.rnMas o que foi divino foi a hora que ela que me guiou a piroca daquele cara que tinha desnudado no inicio e disse beba e a tua vez, agora era eu cercado de tres caras na minha boca chupando aquelas varas grossas nervosas uma maior que a outra sorvendo ate sair o primeiro filete e para deleite da mulherada bebendo bebi tudinho nao antes de colocar um pouco dentro do buraquinho dela e da indiazinha. Acabou?! nao foi assim ate umas quatro de sabado ao acordarmos fomos todos tomar banho, alguns na piscina, outros na suite, no banheiro de empregada, etcrnE pedimos comida, preparava-nos pra continuar mas tivemos que procurar um lugar mais amplo melhor que o meu ape. E colocar mais gente. Liga daqui lida dali achamos uma casa em Teresopolis. Marcamos todos a noite la. E continuamos o nosso sexo, mas deixa pra uma outra vez.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos deixei minha mãe toda arrombadacomi minha cunhada adrianaconto gay virei namorado do tio viuvogostosa fas enema profundoconto erotico gata no meu colocontos apaixonada pelo cachorro zoofiliatransei com minha filha conto eróticocontos eroticos suruba na represa com amigospai e filinha pequen q deixa pai come ela contoscontos eróticos de afilhado gahcontos tudo enfiado no cunovos contos eróticos entre namorados dpconto erótico de homens que tiveram experiência com alguns homensdando pro genro. contos eróticoscontos eroticos o bicho do tiocomo virei escravinha gayincesto furapornosou bunduda e trair o corno contoscontos comendo gay na vielacontos casadas malandrascontos eroticos cadeiacontos eroticos chupei a buceta melada sem sabee e vicieimulheres que estejam dispostas a fazer zoofilia que mora no Rio Grande do Sulporno mamei tanto o peitinho q inchoufilmes mulheres sentando e gosando em um pirocaoboquete mulher de 48 anos contomeu chefe me chupoutransei gostoso com minha aVò insertossexo Sátão garotas da noite prazer conto viadinho branquinhopelado com uma travesti contos eróticoscontos eróticos homens cortando cabelo de mulherContos com cu de idosassvídeo de sexo de duas mulher gulosa beijo gosmentocontos eroticos namorada virgem do cornocontos dou a bunda desde cedotanguinha suja contos eroticoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html iniciando um viadinho contobrinquei com a afilhada contoContos eroticos .meu bundao esta deixando.meu filho loucocontos eroticos- supositorio no cu da filhaeu meu marido e a ex noiva lesbica delecdzinha enrabada pir coroas contosBaixou minha calcinha e meteu contoscontos eróticos sobre tia bucetuda é grávidaContos erótico pai tanto banho filhaNelma Putinha Angolana Rabudaconto erótico com vigilanteconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinloconto erotico viado afeminado escravizado por macho dominadormilia fudedoseduzida por duas pica gostosas.contos eroticos cara jovem que e especialista em conquistar coroas casadastrepo com a enteada dormindocomendo a veia crente contoscontos etoticos com reformacontos eroticos depois de muito tempo dei pro sobrinhocontos eroticos gay garotinhoconto novinha amigos do papaicomendo e falando sacanageme gozando contosmeu coninho deixou nosso filho mim fode gostoso contomeu padrasto fou no meu quarto vcontosRealizei a fantasia do meu colega e eu virei cornocontos erótico me rasgaram mo acampamentowww.contopadrinho.comconto gay tirei o atraso do meu primoqero arrancar o cabacinho da minha enteadacontos eroticos dormindocomendo a irma debaixo do cobertor contosestoria porno a fantasia do meu marido e c cornoa foder a policial na rua contosrelatos eroticos forçadocoroas masageano o pal do novinhomenina arrombada contosporn contos eroticos casada escravizadacontos quis dar pra um travesti