Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PERDENDO A VIRGINDADE COM A SOGRA

rnrnBoa tarde meu nome é heitor, tenho 27 anos e isso aconteceu a mais de 19 anos, eu tinha 19 anos, namorava com uma moça da mesma idade chamada julia, julia tinha 19 anos e eu 16, a gente não transava mas rolava muita safadesa no sofa de sua casa, eu colocava a almofada tampando sua bucetinha e ficava horas acariciando sua vulva bem cabeluda, ela ficava toda molhadinha, tenho muita saudade dessa epoca, julia muito religiosa não permitia ir até os finalmentes, mas era uma delicia ficar nessa safadesa e depois bater uma punheta, eu gosava muito, chegava a me masturbar 6 vezes por dia. Minha sogra era muito carinhosa comigo me tratava como filho, comecei namorar com julia com 19 anos, e todo mês de janeiro viajava-mos para casa de parentes no litoral do Espirito Santo, eu tenho 1,75, loiro, olhos claros, um corpo magro, tinha um charme e fazia sucesso com as garotas, e tinha um safadeza e pensava em sexo o dia todo, minha sogra 38 anos uma delicia, um corpo bacana, ela tinha uma barriguinha, mas uma bunda enorme, seios medios. Quando viajamos pela primeira vez aos 19 anos ja sentia ela me abraçar demais, e deitava-mos juntos ela fazendo carinho em mim, meu membro que deve ter 19 cm e é bem grosso, ficava duro e as vezes meu tesão era tanto que eu encostava nela, precionava mas sempre parava pois sempre tinha mais pessoas, minha namorada ou cunhada por perto, foi passando os meses e percebi que minha sogra ficava vendo nossas trocas de caricias, ela conseguia ver por uma janela que tinha na area de serviço que dava em um quarto que tinha visão para a sala. Minha sogra meio que vivia a vida da filha, sempre querendo ajudar, saber das coisas, fazia tudo pra mim, sempre ficava do meu lado na nossas brigas, e sempre muito carinhosa e eu muito safado, no verão seguinte eu com 19 anos, continuamos a troca de safadezas, sempre eu um pouco mais safado, era dificil de me controlar, pois eu pensava em sexo o dia todo. Passaram mais alguns meses e e o clima entre eu e minha namorava estava esquentando demais, eu chupava a buceta cabeluda dela e a fazia gosar varias vezes com minha lingua, e eu nada, ela não era solidaria comigo, mas o caldo do seu gozo e sua buceta novinha e cabeluda me faz ter tanta saudade que tenho vontade de pegar meu carro e ir pedir ela em casamento agora, eu a amo ate hoje, mas o nosso relacionamento teve um fim a 7 anos. Eu estava cada vez mais safado e minha sogra cada vez mais proxima de mim, e chegou o verão denovo e fomos para o litoral capixaba, nessas alturas eu estava com 19 anos, e chegando la eu fui instalado junto com minha sogra e minha cunhada em um quarto, e minha namorada ficou em outro quarto com as primas, minha sogra não permitia eu ficar junto com minha namorada em quarto, eu era um tarado e antes de dormir, estavam eu minha namorada, sogra, e as primas de minha namorada, todas de roupinha leve de dormir, e eu virgem doido para querendo ter minha primeira relação, eu ficava alucinado porque elas descuidavam e as vezes dava para ver os peitinhos, eu ficava louco, tinha uma prima mais velha que percebeu minha excitação e ficava rindo e jogava mais ainda comigo, chegou a hora de ir dormir, e meu pal ja estava duro a umas 2 horas seguidas, eu no colchão no chão do lado da cama que minha sogra e minha cunhada estavam deitadas, minha sogra em cima da cama ficava fazendo carinho em mim com uma das mãos ela acariciava meu peito rosto e cabelo, e me perguntou porque tinha uma camisinha na minha carteira, eu disse que era virgem mas estava preparado porque não queria continuar virgem por muito tempo, e ela continuou fazendo carinho em mim, e eu retribuia fazendo carinho em sua mão e seu braço, ela cada ver mais apertava sua mão em meu corpo, e descia mais, isso foi durando durante toda a madrugada, horas de tesão, e meu medo me deixava paralizado mas com muito tesão que minha cueca ja estava completamente molhada, eu ajeitei meu pal dentro da cueca a ponto que ficou a ponta da cabeça para fora do chorte, como o quarto estava completamente escuro ela não percebeu, e continuava alisando meu corpo, ela passando a mão em minha barriga, e eu subi meu corpo no colchão a ponto de fazer a mão dela encostar na cabeça do meu pal, que estava molhada, muito molhada, senti um prazer inigualavel, e ela continuou acariciando minha barriga e encostava a mão na minha vara dura fingindo não perceber, e ficamos assim uns 20 minutos, então eu subia mais um pouco e ela cada vez passava a mão sobre meu penis, mas so a ponta da cabeça que estava para fora, eu domado pelo tesão que sentia, levantei e fiquei sentado do colchão e tirei o chorte dela e comecei a bejar sua buceta por cima da calcinha, ela apertava minha nuca contra sua buceta melada, afastei a calsinha pro lado e chupei sua buceta rapadinha, uma delicia, fiquei chupando por muito tempo, a sensação de chupar minha sogra com minha cunhada dormindo no lado era maravilhosa, ela estremeceu toda e apertou minha cabeça a ponto de me sufocar, e veio o caldo maravilhoso de sua buceta, me lambusou todo, e ela não permitia que eu parace precionando mais e mais contra sua buceta, ate que ela esfregou minha cara na sua buceta dando um gemido baixo gostoso e tirou cabeça e beijou minha boca e agradeceu dizendo que era a primeira vez que ela tinha sentido isso, e me pediu para deitar denovo, ela então sentou do meu lado no colchão e pediu para poder ver meu pal, eu desci a roupa, e ela ficou acariciando e olhando ele com muita safadeza, dizendo que era maior e mais grosso que o seu marido, e ficou passando as mãos e pegando, pedi ela para beijar ele, ela deu um beijinho mas não teve coragem de chupar, acho que ela nunca chupou um pal na vida, então me levantei ela se deitou e eu subi em posição de papai e mamãe e a penetrei, foi a sensação mais perfeita da minha vida, eu stava virando homem, me senti muito bem e repetindo o que eu via em filmes, e o tesão era maravilhoso e com menos de 5 minutos eu estava gozando, ficamos deitados e fiquei passando a mão na buceta dela, ela subiu em cima de mim e ficou muito tempo relando a buceta em mim, eu colocava ela tirava e ficava relando sua buceta no meu pal, e eu chupava seus peitos e passava a mão em sua bunda,e assim ela ia gosando em mim, sentia a minhas bolas encharcadas com o liquido que saia dela, ai ela mesmo colocou a meu penis dentro e eu não aguentei e gosei denovo, fomos dormir umas 5 da manha, acordei me sentindo o melhor homem do mundo e ficamos trocando olhares e safadesas durante toda viajem.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


rebentando o cu da irma pequena contoscontos veridico uma maluquice com meu marido e um travesticontos eriticos mulher casada em onibus lotadocontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos - meu pai fez vazectomia para vermos juntosContos eróticos exclusivamente entre mãe e filhoContos eróticos de incesto filhinha caçulinha dando em cima do paiconto ajudando meu filhofiz da minha esposa uma putacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos suruba na represa com amigosConto eu e meu marido bebemos muita porra fresquinhacasada recebe proposta indecente contosconto eu e minha meia irmãas mulher freira depilando o priquito no conventogay chupador de sete lagoasEnquanto a obesa dormia bebada contoConto erotico meu cachorro taradosafado metendo a geba no cu da vadiastirou as pregas dela contoscontos eróticos me estruparao por ser orientalcontos eróticos com o vizinho q mora sozinhomarido da mae bolina menina contosNegao pausudo botando corno chupar cu da mulher enquato fodeNovinha mamando no cinema contoseroticoscontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comichantagei minha mae com meu amigo contos eroticosquero assistir pornô negra da bundona na Muralhacontos ele tinha um pau grande e grosso me fudeu eu era novinho flagrei todos fudendoela[email protected]contos erotico de cdzinha fudendo em copacabana em festa de fim de anocasada reclamando do vizinho contos eroticoscontos eróticos pular pulaxoxotao capusaoconto esposa ajudou dar banho no bebadoNamoradinha gozada contosContoseroticoscomsogroconto erotico trepei com meu primo engravideicontos de lesbianismo no acampamento de escoteirasconto eróticos sexo entre família gozando dentro da buceta engravida delecontos erótico sexo no cinemaContos minha mae mostrou o bucetao peludo pra mimcontos eroticos esposa gordacontos eroticos sexo com minha empregada de vestido curtinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevoyeur de esposa conto eroticoconto mamando vizinho casadobuceta chupar elaelecontos crente casada vira p*** DVDcontos de coroa com novinhocontos eróticos espoza rabuda e traficantesmeu cunhado adora chupar minha b*****Chaves dando na piriquita na bunda da Chiquinhaporno mãe e filha jantando na mesa e depois a sogra vai tranza com o gerrocontos: safadezas de um velhocontos eróticos de irmão irmão comendo a mulher no outrocontos eróticos de gordas maduras dando a b***** para homem mais novas f******contos eroticos com fotos de transando com a cunhada casada e com seu marido bi sexualcontos reais de encoxando a maecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteporno gay pai apostou cu para o vizinhoContos eroticos de pai estrupos de andiada gratiscontos eroticos de negros em hospitaiscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos vizinha de camizola curtinhadei carona pra vizinha casada vadias reaiscontos sou o macho da minha sobrinhavoyeur de esposa conto eroticocontos porno maes putas de filhos roludos com novinhosConto mete ui ui ui meu cueu falei Jaime de bucetacontos ninfeta lesbica fodde casada herero