Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

LOUCO DESEIJO

Era uma tarde fria, um fim de outono onde o vento soprava lento e gelado, o ceu azul e ensolarado mostrava falsamente um dia calido de verão, eu estava novamente ali sentado sozinho em casa, moro em um apartamento desses vagabundos construidos pelo governo no intuito de iludir os mais ignorantes. eu esperava anciosamente pela minha vizinha do 245, meu apartamento era o 244 logo ao lado.

Fatima no auge de seus 45 anos demonstrava um corpo ja fofinho e delicioso, com uma gordurinha se mostrando carinhosamente as vistas de um homem louco por gordinha. meu facinio por mulher gordinha e demais, ver seus enormes peitos, e sua bunda suculenta me deixa cada vez mais exitado a cada palavra que colocando aqui amigos,

fatima é demais uma branca 1,70 e fofinha, suas enormes nadegas me facina, suas tetas pulando a cada gargalhada, mãe de dois filhos. dois jovens em plena puberdade, andando com suas roupas esquisitas falando sobre jogos.

sentado na escada a unica coisa que consigo pensa e nos enormes peitos de Fatima, nome de minha sogra, exeto pelo Maria que vem a frente do Fatima, mas tal detalhe aqui e idiotice de mais fala.

e lá vem ela, chegando de seu cansativo trabalho, usa com maetria uma blusinha comum vermelha que exeto pelo enorme volume de seus peitos nada mais demonstra o que deixa minha pessoa ainda mais louca de tesão e curiosidade. o que penso agora é apenas me dedica firmemente ao delicioso mundo das fantasias. relembra a noite passada em que houvi com os ouvidos grudados sem vergonha alguma a parede os gemidos abafados de seu mais llouco tesão, seus urros de uma egua, Francisco nesta hora era um homem concerteza mais feliz que eu, consumia o que era dele por direito, e meu apenas na delciosa punheta dedicada a suas carnes tenras e dignas, imaginava com desejo os gemidos, a loucura de suas nadegas balançado a cada pulo na piroca de seu marido, o mesmo gemia com orgulho e prazer tinha a coroa mais deliciosa do predio sob seu corpo franzino e decrepito, eu dois dias antes houvira por sua boca o desejo que tinha por homens fortes, ela falava com audacia e sorridente avermelhando as vezes de vergonha com mais duas vizinhas e minha esposa na sala, enquanto a outra vendedora de cosmedicos ia rezando apenas para que elas comprassem tudo e mais um pouco...

eu olhava sentado na minha cama as pernas nuas até os joelhos de Fatima, uma perna nao muito branca e forte, umas coxas que se esparramava pelo espaçoso sofá de casa, fica deseijando, pensando que eu estava de pé na sua frente pelado, e ela chupando minha rola grossa e dura as vezes dando leves chupadinhas nas minhas bolas e sorrindo como uma vagabunda, pelada e de pernas bem aberdas demonstrando uma sena vintage acolhedora de sua deliciosa buceta com pelos pequenos, mas peluda uma deliciosa buceta carnuda e audaciosa louca de deseijo por um moreno tarado e tesudo, sua mao se deslizando pela nadega esquerda, e com as unhas arranhado minha bunda e com um apertão chupava estalando a boca em um delicioso gemido, e semi abaixado fazia com que minhas mãos se deslizasse por seus enormes e suculentos peitos, apertando o mamilo amarrom ja experientes de vida.

mas derrepente algo me acerta no rosto era um boneco, um palhaço, a frente meu pequeno garoto sorria alegremente, no meio das minhas pernas meu pau duro amolecia sem meu deseijo ser consentido...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos extraordinários pegando dormindoconto erotico comi o cu da minha irma em casaconto erotico gay adotivocontos eroticos arrombando a gordaContos ai no cuzinho naocontos eróticos minha mãe putamoças peladas passando margarina no corpo inteiro ate no cucontos minha mae baixinha gostosacontos eroticos forçacdzinha passiva. viciada em sexo contobucetas ticos grelosconto er seios quadril glandeconto erodico a familia na praia de nudismodepilano a buceta dela io cara comi elacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentebuceta arebentada tanto fudar com pou grandexvidio transas arrecei casadosContos minha mae mostrou o bucetao peludo pra mimwww. brasileiras provocando com olharesde safadas pornocdzinha esposa corno contoconto nunca pensei que iriamos numa praia de nudismocontos de buceta é cúcontos eróticos gay Proibidos - Desde Cedo no meu maninhoele falou que ia me deixar se nao me entregasse virgindadeConto erotico mae safada filha gravida pai juntospirralho esfolando minha mulher no sitio historias eroticascontos abusada pelo cachorroconto porn dando pro comandantecontos eroticos troca de casais entre cunhadoscontos eroticos nas prostitutas com mendigosensinando as menina sente a f**** contos eróticoscontos eroticos meu amigo e a mãe deleconto erótico incesto feminino mãe confessa que lambeu filhaxvidio tinho berbado asubrinha fica taradapeguei meu pai comendo meu amigo conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentedei minha buceta pra um menino de treze anosfetiche deitar no colo para apanhar no bumbumcontos eroticos empregadaporno minha vizinha chama para ajudar e acabada dandomeu chefe me chupoucontos erotico dando pra nao passar fomecontos chavecando o cuzinho da coroacontos eróticos minha bundasem explicação safadinha contoscontos eroticos de mulher que deu para cavaloscontos enfiando picole no cucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erótico corno babacasua amiga eu vou pegar de tras pra frenreconto erotico. sobrinha mulatinhaconvencimeu marido a ser cornosenta aqui sua safada contos eróticoscontos eroticos ensinandocontos totalmente arregaçada meu marido vai percebertrepando pau sua p*** prepara para o sábadocontos minha cunhadinha da bucetinha bem pequenaa tanguinha da vizinha.conto eroticogozei nas coxas da filha contoscontos gay limpar a casacontos eroticos de vendedor velho gordo seduzindo a meninaconto dei minha buceta pro mendigofiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contoscontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheirocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos chupando o pau do tio da creccomtos exitantesconto tia peludaContos comcapataz ne  meu filho me fodeu com raivaMinha esposa é muito gostosa mais eu entreguei ela para outro homemporno adivogada trepa com criericontos eroticos teens eu baixinha i peituda com meu tio no carrocontos eróticos, meu chefe exige a minha esposaContos eroticos vendidafoda casera da novinha de onze anos contos