Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA SEGUNDA VEZ

Minha segunda vez com um cachorro aconteceu na casa dos meus pais, no interior do Paraná onde eles moram, eu estudo em São Paulo, eu já havia curtido muito a primeira vez e queria ver se conseguia transar com meu cachorro, um Cocker Spaniel chamado de Tico, todo preto e com 1 ano e 7 meses, como meus pais trabalhavam o dia inteiro e eu tinha à tarde para fazer o que quisesse já que estava de férias.



Ciça que me iniciou na zoofilia me explicou como excitar um cachorro, então quando meus pais saíram tirei a roupa e fiquei sá de calcinha daquele estilo “fio dental” com tecido da new comfort que é sexy e confortável, minha bucetinha tava peludinha, mais cuidada, sempre deixo um pouco de pelo, eu acho sexy, e da aparência de menininha, já que meu pelinhos são encaracoladinhos e super fofos e minha buceta é bem rosinha e delicada, minha amiga dizia que eu tinha a xoxota de uma menina de 19 anos.



Eu comecei a me masturbar no meu quarto, pra ficar bem molhada e cheirando a sexo, como eu fico excitada e molhada muito rápida, foi fácil, minha bucetinha tava escorrendo de tanto tesão, e sá pensava no Tico em cima de mim, ele ficava dentro de casa, foi sá chamá-lo e ele já veio correndo, ficou me olhando com cara de quem não tava entendendo, então pedi pra ele se aproximar, ele veio desconfiado.



Tirei a calcinha de lado e esfreguei meus dedos no focinho dele e ele começou a lamber compulsivamente, e levei sua lingua até minha xoxota, cada lambida e meu corpo tremia todo, foi logo tirando a calcinha e abrindo as pernas em cima da cama e deixando-oele lambendo-me inteira, a língua áspera dele às vezes acertava meu clitáris e eu chegava a pular de tesão, depois de uns 5 minutos de lambeção, comecei a masturbá-lo, basta pegar entre as bolas e o começo da base do penis do cachorro que ele vai saindo, o penis do tico era um pouco menor do que o do labrador da Ciça, mais mesmo assim me encantou e me excitou muito.



Ciça me disse que eu deveria tirar todo o penis dele pra fora e andar de 4 na frente dele e ficar acariciando até ele subir em mim, sá colocar ele em cima, se ele demorar muito, cachorro não gosta de ser forçados, natural é mais gostoso, mas foi eu ficar de 4 e me masturbar na frente dele, que logo ele pulou em mim, por nunca já ter cruzado com outras cachorras, e ta há um tempo sem fazer, acho q ele entendeu o recado, subiu nas minhas costas com as patas da frente e começou me estocar, sá que não acertava, tive que colocar a mão direita por entre as pernas e indicar o caminho, daí foi sá tesão...



Tico me possuiu incrivelmente fácil, minha buceta estava tão molhada que via ela escorrendo por meus pelinhos e derramando no chão do meu quarto, o cheiro de sexo estava incrivelmente forte, acho que dava pra sentir na casa inteira, as patas dele me machucavam um pouco por causa das unhas, mais estava tão bom, bom é pouco, tão estupendo, que nem liguei, era sá pra me excitar mais ainda a dor, o pinto de Tico entrava e saia em movimentos frenéticos, eu ia pra frente e pra traz, tamanha a força que ele me enfiava, seu penis quase saia de tanta era a vontade minha ou... dele.



Olhava para o lado e ele estava com a lingua para fora, muito excitado também, minha buceta pulsava e ambos deliravamos, eu pensava que meus pais poderiam chegar e me pegar, o que me deixava mais louca, o que me excita mais ao transar com cachorros, é o fato de me sentir suja, puta, cadela, fêmea... e pensar em pessoas me olhando, ou me pegando, me deixam mais excitadas, sá pensava em como eu era suja e vagabunda, em meus pais na porta me olhando, meu ex, meus amigos, e isso me levava à loucura, o pinto de Tico me penetrando era sá mais um detalhe, e que detalhe, minha xota respingava pelo quarto inteiro.



Depois de 19 minutos, 1 hora, 4 horas, num sei dizer quanto tempo ficamos, Tico saio, saio fácil, já que minha buceta estava toda lambuzada, ele gozava muito do meu lado e lambia seu penis, enquanto eu ficava deitada de bruços sem aguentar sequer me levantar, o tesão era tanto que eu chorava e tremia, meu cheiro dava para ser sentido no quarto na casa, em tudo, minha buceta escorria pelo chão, foi a coisa mais maravilhosa que já fiz...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos policial dominando viadoso tempo em que ele para e diz"essa buceta é minha"Contos eroticos escussao com meu marido banco diferentevideo porno gay de garoto com o calção com o fundo rasgado de parnas areganhada na casa do amigo tarado do pau gande e grosozoofilia gay extraordinárias bizarroscontos eroticos possuida por uma estranha gostosacontos eroticos fodida pelo deficientecontos eroticos de mulher com travestiputinhas de quinze anos xexo uricuiaContos eroticos seduzi a mae do meu amigo uma coroa bem recatada e dona de casacontos eroticos arrombando a gordacontos eróticos assaltantes me f****** na frente do meu filhoContos erótico no cinema casalmuhleres quecavalo tramsa com animalcontos eroticos sobre dona flrorinda e chiquinha lesbicasfomos pro motel contos lesbicoswww.mulher vai dormir seacorda dandp cu pro marido .comEm casa somo em número de 4, minha mãe (43), meu pai (47), meu irmão (22) e eu (15). Nós não temos muita grana, pois apenas papai trabalha. Meu irmão está fazendo cursinho para o vestibular (pela terceira vez) e isso aumenta as despesas da casa.contos herptico cornocontos eroticos de professoras e alunos safados13aninhosvideopornocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentever pica bonira gozandosou o tesaozinho do papaicontos erotico gay quando mim focarao a bebe leite de variosme realizando com travesticontos.virei travesti pela drogacontos eroticos gay problemas mentaiscontos eroticos de velhoscontos eroticos de vovomarido corno/contoscontos fode mesmohistorias excitantes esposa adora chupar buceta da outra pro marido vercontos eroticos incesto pai encoxado filhas avo encoxado netasera menina meu primo batia punheta pra mim olharcontos eroticos arrombando a gordameninas de camiseta larguinha mostrando peitinhocontos eróticos bebêcontos eróticos com o genrocontos eróticos curiosidade novinhaconto erotico minha namorada trouxe amiga pra fuder com a gentecontos eróticos não acredito que o padre da Paróquia chupa o meu paucontos eroticos filha e pai apaixonadosConto erotico gay afeminado rabudos eu e meu amigo dando para coroaconto o Pastor me comeucontos/fui desvirginada com muita dorcontos de dei o cu para um jumento Negrãomamae.ei.suruba.familiarcontos eróticos em Contagemleke comendo a casada contopegado carona um casal com camionero contos eroticoursao tio roludo conto gaymeu avo aquele tarado comeu eu e amigas no riachocontos eróticos de pai e filhacontos eroticos de maes fudendocontos minha cunhada viu eu mijanobucetas vazando porra e ela passando a mãocontos eroticos de pijaminha provocandoContos eroticos com foto eu era novinha nao tinha nem peitinho e meu padrasto tirou a virgindade da minha bucetinha e do meu cuzinhocontos erticos de mulheres fudedo se pudo em locais pubicoscontos erotico vo netinhascontos amor gayrelatos reais eróticos - saciada em casamulheres gosadasnacamafazenda fravia dan xeso anal lua demelcontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos meu professor me deu uns amassos e colocou pra mim chupar seu pau em sala de aulaminha priminha titio contos eróticosencesto contos de irmanzinja virgemContos eroticos minha esposa e o senseicontos eroticos borracheirocontos.eroticos.so.taradinhas.de.seis.aninhospornô com cavalos mangalarga fazendo com mulheres no cavaleteconto erotico minha mulher nua na frente do paiComtos mae e filha fodidas pelos amigos do pai