Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO A DRY

Bem, esse conto foi real, aconteceu em uma noite de sorte minha, a muito tempo que eu vinha querendo fuder a Dry, e não conseguia, certa noite, sai da escola e passei na casa de minhas primas, chegando lá, tive uma surpresa maravilhos, vi a Dry e fiquei animado com a possibilidde de realizar meu desejo de fudela, ela e minhas primas estavam assistindo um filme, me sentei e comecei a assistir, passado um tempo o filme terminou, já era tarde da noite, passavam das 23:00 Hs e falei que iria embora, quando repentinamente ela fala que também vai.

Quando saimos da casa e subimos a rua chegando a esquina, perguntei se ela queria que eu a deixasse em casa, ela falou que não precisava que morava perto e dava pra ir sá e não queria me encomodar, falei que não era incomodo algum e insisti mais uma vez, ela então concordou e a acompanhei até a sua casa, chegando lá, ela perguntou se eu não queria entrar, e sem ezitar falei que sim, entramos, e sentamos no sofá e ficamos conversando um pouco e eu esperando a hora certa de dar uma investida, mas com receio dela não gostar, de repente, falta energia no bairro todo e ela acende uma vela, ai sim, era a hora que eu esperava e comecei a puxar assunto sobre sexo.

Conversa vai e vem e de repente tomei coragem e perguntei se ela já tinha transado com um homen casado e ela disse que não, então perguntei se ela teria coragem de transar com um, ela já notando minhas intenções, perguntou por que eu queria saber, então fui direto ao assunto e disse que eu era muito afim de ficar com ela e sem pensar já fui tascando-le um beijo, pra minha surpresa ela correspondeu.

Fui tirando sua roupa aos poucos, tirei sua blusa e comecei a chupar seus seios que eram umas delicias, tirei o shortinho dela e vi a bucetinha dela através das rendinhas da calçinha meu pau já tava a ponto de rasgar a cueca quando ela se levantou e abriu minha calça e começou a chupar minha pica, chupava tão gostoso que eu gemia enlouquecido de tesão, sem aguentar coloquei ela de quatro no sofá e meti a pica na buceta dela que já tava toda molhada de tesão, comecei um vai e vem frenetico e ela gritava feito uma louca pedindo pra que eu fudesse a buceta dela sem parar.

Cada vez que ela pedia mais eu forçava e arregassava a tabaca dela, sem ter como segurar gozei em sua buceta quente, gozei como um louco e esporrei a xana dela toda, me sentei no sofá e ela insaciavél veio por cima e sentou no meu colo e começou a cavalgar em minha pica, ela subia e descia alucinada gritando de tesão, pedindo mais e mais pica e começou a gritar que ia gozar e começou a me arranhar as costas aquilo me deu um tesão enorme e gozei novamente junto com ela.

Depois de gozarmos juntos levei ela pra o quarto deitei ela de quatro e disse que era hora de fuder seu cuzinho ela falou que não que doia e que não queria, então falei que colocaria sá a cabecinha e se começasse a doer eu pararia e ela aceitou, mandei ela empinar a bundinha e mirei o pau em seu buraquinho comecei a enfiar e não entrava pois era bem arroxadinho, então comecei a enfiar um dedo e fui socando até entrar todo e depois pus outro e ela gemia de dor e pedia pra parar, tirei os dedos e fui pondo a pica bem de leve e meti a cabeça da rola e ela deu um vaco pra frente tentando aliviar a dor, segurei em sua cintura e disse que ia meter tudo de uma vez pra ela ver que não doia e fiz, dei uma estocada que entrou tudo de uma vez.

Ela deu um grito de dor enorme e pediu pra que eu parasse eu sem tirar a pica de seu cu, pedi calma a ela que disse que não dava pois tava doendo muito e não aguentava mais, falei que eu ia ficar metendo bem devagar e que ela relaxasse e fui ritmando bem lentamente e ela relaxando e comecei a acelerar e ela já tomada de tesão nem reclamava mais, então fui acelerando mais e mais até que ela começou a pedir que eu fudesse seu rabinho que tava gostoso e queria ser fudida, louco pelo que ouvia rasguei o rabo dela de tanto meter, metia loucamente a pica no cu dela que dei uma das melhors gozada da minha vida e ela adorou dar o cuzinho pra mim, ela disse que seu cu tava ardendo mais valeu a pena arrombalo com minha pica. Pronto, foi isso depois tem mais.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico nao acreditei o que eu vi parte 2Contos Eroticos Gratis De Gay COMIDOenfiando a escova de lavar banheira todina na buvetacontos eroticos adoro sentir o gosto do amante delaGays na cama - contos eróticosmamae.ei.suruba.familiarcontos eroticos arrombando a gordaincesto realidade fantasias contocontos/ morena com rabo fogosoxoxota as infinitasviadinho japones dei pro negao do caminhão contos eróticoswww.comendoagostoza.com.bcontos ela me punhetouhistórias de sexo o meu padrasto cominnha a mãe ea enteadacontos mãe puta filha putacontos eroticos paus gigantescontos eroticos vou te enseminareróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciacontos eroticos de cdzinhaContos eroticos esposa gosta de exibi e leva cantada nas praiascumi minha cunhada afossa contos roticoscontos eroticos homossexual meu pai me estuprouContos erotecos de estrupo dentro do baile funkconto erotico, esposa, buceta alargadaCU arrombado ABERTO madrasta contocontos eroticos so eu e meu gato na chacaracontos excitantes comendo minha amante no motel com a namorada dela do ladoTraindo meu marido con nosso filho contos erot,encestcontos reais seduzindo com roupa o cunhadocoroa da buceta griluda espirando poro logeescrava sexual contosconto erótico escondidoMeu sogro me seduziu contosconto erotico na pipoca do carnavalmeu vizinho fica me olhando de shortcontos eroticos de viadinhos de calsinhacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontoseroticoscomendo a coroa loira e a filha delarelatos eroticosde portuguesas de noVinhascomendo i gozano deto da negá no salão de carnaval 2017conto erotico nudismo com a sogracantos eroticos a inda criaca papai comeu meu cuzinhocontos eróticos papai to com vontadecontos de dei o cu para um jumento Negrãopeguei minha sigra dormindo sem calcinha e meti a pica nelacontos de putas casadas tramandaiporno travesti rosadinha menininharelato erótico real- a visitaconto comi minha amiga peludanovinha e safadinha conto eroticoestórias eróticas abusivascontos devorei minha filha putqContos eroticos como chantagieicontos flagreii meu subrinho mastubando com calcinhacontos eróticos esfregaçãocontos de coroa com novinhomulher que fica um montinho na frente ,e peluda ou tem a buceta inchadaEnsinando a maninha a foder contos eroticosContos eroticos de negros dotadoscontos eroticos frentistaCONTO GOZO NA BOCA NO TESTE DO COLEGIO MILITARtirou as pregas dela contosmulher deichandu o homem bater ponheta ela venducontos tudo enfiado no cucontos traiu o com o encanadorele chupa a buceta ela cheio de petenho da mulher gordaContos eróticos negras tesudasMarilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhacontos erotico com prima peladas e meladas de manteiga no cuela pegou no pinto dele na marra mais ele gozousofri no pau de outro contolora da freti fudedotravesti jhuly hillsconto erodico a familia na praia de nudismominha cunhadinha e virgens peguei a forca