Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU PADRINHO E EU

Bom minha histária não chega a ser um incesto porq somos realmente parentes...



Ola,meu nome é Fernanda tenho 19 aninhos,cabelos pretos pouco abaixo dos ombros,1.65.. 52 quilos,seus médios,cintura fina,uma bundinha não muito grande porém durinha..minha infância foi feliz,qdo tinha 19 anos meus morreram,um padrinho que eu sá conhecia por nome(márcio) ficou com a minha guarda..os dias se passaram e qdo vi meu padrinho fiquei encantada,ele era lindo..branco,37 anos, 1.90,corpo sarado,olhos pretos,enfim lindo e noivo...a Ana ate era gentil tentava ser minha amiga mas nunca permiti que ela chegasse muito perto,era afim do homem dela e não teria coragem de ficar com ele...pro meu desgosto ele era muito fiel a noiva a quem dizia amar e muito respeitoso comigo...e foi assim até meus 19 anos..numa terça feira sai com alguns colegas e acabei bebendo mais do que devia,qdo cheguei em casa levei uma bronca daquelas mas como não o Márcio estava em casa ele teve q me dar um banho gelado;ele me colocou de roupa em baixo do chuveiro fiquei encharcada então qdo chegamos no meu quarto fui tirando a roupa,meu padrinho me olhou e saiu do quarto logo a Ana chegou...eu dormi muito,acordei era umas 4:20 e fui beber água estava com uma camisola fininha,peguei o copo d´água e sai da cozinha no corredor dei de encontro com meu padrinho e tombei todo o liquido em mim,minha roupa ficou transparente na hora,dessa vez ele me olhou e disse:*vc não tem sossego né menina,vai pro seu quarto porq ñ qro mais ver vc*..fiquei assustada com aquela raiva todo e fui...Os dias foram passando e ele continuava com muita raiva mal falava comigo..A Ana foi viajar e sempre ficavamos sá os dois..numa noite eu estava com a camisolinha de sempre qdo fui assistir TV com meu padrinho,acabei adormecendo..qdo acordei estava de costas pra ele com a bundinha no seu pau,ele também dormiu..então fingi que ainda estava dormindo ergui a camisola pra cima da cintura deixando a mostra minha micro calcinha e me colei no pau dele,percebi que ele acordou assustado mas continuei fingindo q dormia me virei lentamente pra cima e abri os olhos,encontrei o olhar do Márcio me devorando..olhei e sorri me fingindo de inocente comecei a abaixar a camisola e tampar minha bucetinha que já estava em chamas,ele segurou minha mão e disse:*diabos de menina infernal,quem vc pensa que é pra ficar me atiçando desse jeito?vc não passa de uma piralha querendo ser comida por alguém e sabe lá deus porq me escolheu..desde que te vi pelada naquela tarde já não consigo passar um dia sem bater uma pensando em vc*..eu:*é por isso que vc tava me tratando mal,padrinho?*..ele:*é e agora vou te ensinar a nunca mais brincar com um homem de verdade*..Então começou a passar a mão pelo meu corpo,tirou minha camisola eu já estava cheia de molhadinha..meu padrinho chupava os meus peitos e dizia:*como é bom mamar nas tetas de uma vagabundinha*,depois desceu a mão pra minha bucetinha e me vendo molhadinha disse:*vc é uma vagabundinha muito gostosa e essa sua bucetinha é uma delicia,eu vou te fuder inteirinha*..eu gemi..ele colocou a boca na minha bucetinha e começou a me chupar(nossa como chupava gostoso),eu já não estava aguentando mais e pedi:*me fode vai padrinho,me fode*..ele o fez mais com a língua e eu não aguentei e gozei na boca de que engoliu mel melzinho e depois beijou minha boca dizendo:*sente o gosto do sua bucetinha,sente sua vagabundinha*..então me ordeu:*agora vc vai chupar o meu pau,vai meter tudo na boca e engolir toda a porra que sair*..eu estava tremendo de tesão então tirei minha micro calçinha,e a roupa dele..fui beijando o corpo dele mais parei qdo cheguei no pau,era enorme e tive certeza q não caberia na minha boca,meu padrinho irritado perguntou:*porq vc parou?chupa meu pau logo sua vagabundinha,eu sei que vc quer sentir meu caralho quente na sua boca*..comecei a chupar,realmente mal cabia na minha boca,mas chupei e ele gozou gostoso na minha boca eu engoli aquela porra quentinha..Ele me colocou de quatro e falo:*agora vou fuder essa bucetinha e esse cuzinho gostoso,vc ainda é virgem?*disse q não pois já tinha trepado com um carinha..sem me dizer mais nada ele abriu mais a minhas pernas,passou a cabeça do pau na entrada da minha bucetinha e me fudeu de uma vez sá,gritei e choraminguei para ele ir mais devagar porq o pau dele era muito grande..ele riu de mim e disse:*devagar é nada vou te fuder toda sua vagaba e toda vez que vc chorar vou te fuder mais forte assim á(e meteu ate o talo)*..choraminguei de novo então ele puxou meu cabelo e me deu varias estocadas com toda força,comecei a rebolar como louca e gritava:*me fodi padrinho,mete todo esse caralho na minha bucetinha,fode,fode,fode..anda seu puto me come*..ele começou a falar:*eu sabia que vc era gostosa,vc tem uma bucetinha abertada que parece que vai esmagar meu pau..quer que eu te foda?então toma sua vagabundinha toma pica nessa buceta...e gritava á Antônio(nome do meu pai)to comendo a bucetinha da sua filha,olha eu fudendo ela,escuta ela gemendo no meu pau(e me mandava gemer mais alto e eu gemia),agora vou fuder o cuzinho dela*então tirou o pau da minha buceta,enfiou os dedos(um por um)no meu cú pra alargar um pouquinho,eu gemii como uma piranha..então ele meteu no meu cú(nunca senti tanta dor na vida),comecei a rebolar pra diminuir a dor e meu padrinho falava:*rebola,deixa minha pica entrar toda no seu cuzinho,quero te arrombar (e me fodia gostoso)sempre falando com meu pai(*olha que cuzinho gostoso e apertado,ta gostando de me ver comer ela?ela é uma puta deliciosa,vou fuder essa cadela*)..senti ele gozando no meu cú enquanto eu me masturbava..aquele jato de porra quente desceu pelas minhas pernas,ele me fez chupar o pau dele mas uma vez e gozou de novo so que nos meus peitos...trepamos muitas vezes nesse dia...e continuamos fudendo até hoje,mais essas outras conto nos práximos contos!!Beijo galeraa!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tiro saiu pela culatra contos eroticoscontos eroticos curiosaminha xereca consando na rua contos eroticoscontos eroticos dopou e comeu a esposacontos incesto minha filha fazendo fisting em mimsex da negahjduas munhe vai calvaga i da pra a cavalo fude ate goza zoolconto porno de cachorroconto erótico sonífero na tiacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos eroticos meninas x gorilasconto erotico desde pequena fui putinha do meu paimeteu no cu dela a força mas entrou parte1contos porno de corno compartilha esposinha branquinha na viagem de onibus com negros hiper dotadoscontos eróticos de gordas maduras dando a b***** para homem mais novas f******voyeur de esposa conto eroticoconto dopei minha sogra pra meterconto incesto minha linda maezihaConto fui passia na casa da minha tia e conheci minha prima travesticonto sapequei coroa crentedando/o cabaço pro titio conto exitantecontos eroticos:engravidei do meu filhocontos eroticos japonesa casadacontos eroticos eu e minha filha pecando carona com meu sogroquando eu estava com o meu namorado e ele estava chupando o mwu peito ele me chamou de safada o que sera que ele quis dizer com issocomi o cu da cobradora velhacontos eroticos de velhosconto erotico chupeteiro do cine pornocomendo a enteada contosconto gozei no cuxinho da mamae dormindo o cu latejava e apertava meu pau ahhh gostosaComtos heroticos da cunhadinha viviane dando pro cunhado reinaldocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html chantageei e comi a secretariacontos eróticos minha nora cuidando de mimcunhada no cio contosconto erotico sentei no colo com o carro lotadoo tempo em que ele para e diz"essa buceta é minha"viadinjo da bimda rrdonda contos eroticosconto e relato comendo o c****** da cunhadacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteDei o cu pro policial, quase me rasgagay e o cachorro contosconto erotico pagou a divida pra arregacar o cucontos eróticos gravou tia dando pra doiscontos eroticos viadoencoxadas socando com força reçentecontos entalei ela no meu paucontos eróticos carona pra pai e filha novinhacomto mesmo falando que era casada o policial me comeucontos erotcos minha sogracontos eroticos primeira vez infância incestocheguei em casa e peguei meu amigo comendo meu primoRelato de esposas putas dando pra fumcionarios nacontos gay negaover conto erotico sob velhos taradocontos porno casadas o negrinho safadodeixando o filho lamber cona contos erocticoscontos bdsm erposas escrava submissaChuoada com gossdaseu curto cunhada casada fica excitada a dançar com cunhadocontos eroticos colega da faculdadeesposa de corno contos gosta na caracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos mijou na minha bocacontos velho paga sexo com meninasContos eróticos de cornocom negão dotadosmeus primos revesaram se pra me comer contos eroticosMamaes boqueteiras contoseroticoscontos erotico com deficienteContos de incesto quando eu era pequena era putinhacontos minha esposa pediu carona e ganhou pica grossacontos com rabudascontos eróticos homem fudendo a mãe do melhor amigodei pro negao na sauna.enquanro o marido dormia,.contos