Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRAI MEU MARIDO COM O FRENTISTA DO POSTO

Tenho 23 anos, casada e abastecia minha moto no posto onde conheci Gustavo, logo reparei no novo frentista que veio me atender, média de 1,70 de altura, mais baixo que eu, mas ele tinha uma cara de safado, uma boca gostosa, cavanhaque baixo, o tornava uma delícia, fui criando interesse e muito desejo pelo rapaz, ia la sempre pra abastecer. Logo os olhares foram rolando, até um dia eu ir abastecer a moto de short curto e ele dizer que nao podia ir abastecer com ele com aquele short porque era muito tentador me ver em cima da moto com aquele shot mostrando toda a coxa e quase tocando nela pra abastecer. Perguntei se eu corria algum risco, ele disse sá se eu quisesse, respondi que tava afim de encarar se ele nao ligasse de eu ser casada. Ele disse que fica ainda mais gostoso. Meu marido estava viajando em curso do serviço dele, 3 meses fora voltando sá no fim de semana. Convidei Gustavo pra ir até minha casa, deixei o portao aberto, as 23:30 escutei ele chegando. Fui recebê-lo na porta dos fundos, usando um vestido soltinho com fio dental por baixo. Ao se aproximar de mim Gustavo ja me agarrou e começou a me beijar me encostando no batente da porta, aquele beijo ardente, escutava nossa respiração forte, como se todo nosso desejo estivesse naquele beijo. Ele afastou meu bumbum do batente e começou a tocar, apertar por baixo do vestido. Estavamos ofegantes. Ele disse que me beijando daquele jeito dava uma vontade de tirar o vestido!! e eu disse que estava com uma vontade de levar ele pra minha cama!! Ele deu aquele sorrisinho safado, ai levei ele pro meu quarto, cama onde eu e meu marido dormiamos e transavamos. Me deu uma sensação de culpa mas ao mesmo tempo muito tesao em ver aquele rapaz por quem sentia tanto desejo ali, na minha cama, prontinho pra mim. Na cama ele tirou minha roupa, tocava meu corpo com muito desejo, sua boca foi em meus seios, sentia sua lingua percorrendo o bico em circulos e movimentos verticais, aquilo me deixava louca. Estava com muita vontade de conhecer aquele penis que desejava tanto, me virei por cima dele, tirei a camisa, abri a calça num desejo louco, abaixei a cueca e me deparei com aquele membro duro na minha frente, sá esperando pela minha boca, amo fazer sexo oral, percorri minha lingua pelo corpo do penis dele, deixando todo molhado, fui pra glande, aquela cabeça gostosa, lambendo, chupando somente ela até ele emplorar pra eu colocar todo na boca, fui descendo devagar, colocando ele devagarinho dentro da boca, vendo ele se contorcer de prazer, aumentei o ritmo, sentindo aquele penis gostoso dentro da boca nao conseguia conter meus movimentos que se tornavam cada vez mais intensos, chupava como uma onça sedenta, olhava pra ele, dizeia coisas que o deixava mais louco ainda.

Ele pediu gemendo pra eu sentar "nele", nao aguentando a tentação me posicionei em cima dele, segurei o penis dele e aos poucos fui me encaixando, sentindo primeiro a cabeça entrar, depois mais um pouco, e mais um pouco, até sentir ele todo dentro, comecei cavalgar em cima dele, humm, que delícia, eu estava com muito tesao e aquele penis era tao gostoso, fiquei cavalgando nele por um tempo, mas pedi pra ele me pegar do jeito que mais gosto e que enlouqueço. De quatro. Fiquei de quatro na cama pronta pra sentir ele entrando, quando ele foi colocando meu corpo todo se arrepiou era como se aquilo ainda fosse pouco de tanto tesao. Depois que colocou começou a bombar "nela" molhadinha. Joguei minha cabeça pra tras propositadamente pra ele segurar meu cabelo, e ele fez. Ele segurou firme meu cabelo, pedi pra ele meter mais rapido, nao estava aguentando de tanto tesao, escutando ele gemendo baixinho pra poder me ouvir gemer (sou louca por gemido masculino), aquele pau gostoso entrando e saindo rapido, ele segurando meu cabelo firme, e ainda de quatro me fez entrar em extase, gosei deliciosamente. Percebi que ele ia gozar ai pedi pra ele gozar na minha boca. Ouvindo isso ele tirou de dentro dela e veio do meu lado, coloquei ele na boca e começei a chupar chupar chupar olhando aquela reaçao de puro tesao dele, ele começou a gozar, olhando pra cima, fechando os olhos e gemendo, eu nao conseguia parar de chupar, depois de ter engolido continuei chupando com ele tremendo ja. Ele nem precisou se limpar, limpei o penis gostoso dele todinho. Essa foi a primeira gozada da noite, a noite foi looonga, mas o resto fica pro práximo episádio, esse conto continua....beijos

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos e fotos de seios de mulher gordasfotos derabudas na academia roupa brancaminha xereca consando na rua contos eroticosMeu pai tava em casa comigo e com a minha esposa eu e meu pai fundemos juntos minha esposa conto eroticoIncesto com meu irmao casado eu confessocontos eroticos estuprosconto eroticos meu genrocontos zoofila casada abandona marido e filhos por um cachorrocontos eróticos Simone só dorme si chupar o pau do papaicontos sexo incesto amo meu filhocontos bdsm gosto de levar chutes na bucetacontos eroticos comi minha sogra de calcinha fio dentalcontos eroticos ninfetas amazonensescontos eroticos esposas e mulheres esperimenta zoofilia e gostaraomeu pai fez minha mae mim dar a buceta na sua frente quando eu tinha dez anos contos veridicoscontos gays reais/a anaconda do meu primoconfesso transando com trêscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto gay dando o cu com anoscontos mia esposa tio na praiameu filho xerou meu cuConto erotico novinha.pediu pra passar bromseadorfudendo a nora no sitio escondido contoO velho asqueroso quebrou meu cabaço e eu gozeicontos eroticos gay dei o cu quando era pequenohistoria de contos eroticos com pasteleiro buceta carnuda comtos de sexocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto negra domina escrava branca lesbicaFilha boqueteirá contoseroticosxoxota doce contosmae chorando que esta doendo tira meu filho seu pau e grande demais incestoso casadasanahomens rústicos fodendo com garoto que dorme na sua casacoroa branca casada dando o cu pro negão conto eróticomarcio o trinador me enrqbouchupando coroa empinadinha boa de f***contos eroticos de mulheres que aprotaram dos seus caseiroscontos eroticos amamentacaoquadrinhos pornos de patrao dominadorContos eroticos selvagem com meu amigoeu falei Jaime de bucetacontos eroticos espermafiz meu marido de meu corno e meu cumplicevídeo pornô a mãe dela tava de biquini o genro só dava a sograconto erótico sobrinha. bem novinha fica esfrgando no colo do tio sem calcinha€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€€muleres sendo chupadad e godando pelos homes com gritosiniciei meu irmaozinho na banhera contosgayhttps://mozhaiskiy-mos.ru/conto_21034_minha-amiga-tarada.htmlheteros teens curiosos contoscasada com marido corno no cineme conto realmadre superiora e felino no banheiro e mete nela de sexoconto flagrado com a calcinha enrolada no paucontos eróticos dupla penetração anal em travestis zoofiliaconto erotico: A FILHA DA DONA VERAContos gays amante do tio velho desde de pequeno adoro vpu casar com elevideo porno de anos gozando dento e escorredocontos eroticos de faxineiras coroas safadasconto erotico comi mae e filha com chantagemgozada dentroamandapeladas com o corpo inteiro de margarinamarido da mae bolina menina contoscontos meu padrinho negao come minha maeconto erotico novinha traindo namorado e iniciando no analConto porno com pai e filha nome alana part 3conto erotico meninos mi comeraomete tudopapai contoscontos eróticos de professor Gaycontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos de rabos sendo dilaceradoscontos eróticos encaixada viado da bunda grande no ônibusminha novinha tarada contoContodeputa