Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NOSSA PRIMEIRA SURUBA FOI COM OS MELHORES AMIGOS!

Nossa historia começa dia 26 de novembro de 2008, uma quarta feira, quando eu e minha esposa Danielle Morais estávamos pra sair com um casal de amigos, eu me chamo Alexandre Reis, e tenho 31 anos, e Danielle tem 29, eu sou branco, magro, certa de 1,73 de altura e peso pro tamanho, Danielle é uma morena de 1,60 e 65Kg, muito gostosinha, porem, sempre foi muito recatada na matéria do sexo, quando conversávamos sobre a possibilidade de um grupal, ela sempre teve medo, e sempre enfrentou com chacota, porem...

Naquela noite fomos com um casa de amigos dela a uma boate no Centro do Rio de Janeiro, onde estávamos acostumados a ir sempre, e neste dia não foi diferente, exceto que Danielle e Tampa, nossa amiga é Nipo-Brasileira e Rogério meu amigo é mineiro, Tampa é a mistura perfeita do Rio de Janeiro e Tokio, uma linda carioquinha com traços japoneses, porem, com uma bundinha de chamar a atenção do papa, e seios bem volumosos pros seus 1,60 e por volta dos 65Kg, já Roger como gosta de ser chamado tem 1,80 e deve pesar na casa dos 85, ele moreno, é forte por praticar a muitos anos musculação, ela é bem magrinha... E nesta noite, tanto Tampa quanto Danielle estavam exagerando na bebida, Danielle não é muito chegada, mais queria extravasar, já Tampa faz sempre Rogério a levar apoiada, Tampa já meio alta falava um monte de sacanagens e Danielle estava indo na onda dela, eu e Roger não ligávamos e ficávamos na brincadeira com as duas, falávamos sacanagens e elas respondiam a altura.

O problema foi que na hora de irmos embora, ninguém iria trabalhar na quinta, tínhamos arranjado tudo pra poder viajar juntos naquele final de semana, e seria no carro do Roger, pois o meu estava na revisão, então resolvemos em vez de irmos pras nossas casas, irmos pra um motel, Danielle estava se apagando, e Tampa estava apagada, assim que chegamos a um motel na Av. Chile no Centro do Rio de Janeiro, até mesmo pra economizar, resolvemos ficar os 4 no mesmo quarto, eu iria dormir de um lado da cama, Roger do outro, e as meninas na cama, a esta altura, ambas desmaiadas, e foi o que fizemos, ainda tomamos uma cerveja e as meninas estavam apagadas na cama, fomos dormir...

Já beiravam por volta das 3 da manha quando percebi que um som vinha da cama, um gemidinho gostoso como de meninas, meninas? Levantei devagar e vi Danielle mamando nos seios de Tampa que ria safadamente, Tampa estava com a mão na calcinha da Danielle que estava pro lado e eu podia ver os dedos da japinha dentro da xaninha da minha esposa, isso me excitou, e Tampa me viu expiar, riu alto e Roger acordou também, Danielle meio que ficou com vergonha, mais já estava ali mesmo, virou pro lado abaixou minha calça e começou a mamar ferozmente, Tampa nem pensou duas vezes, e caiu de boca... Mais não no pau do Roger, também no meu junto com a Danielle, Danielle estava deitada de rabo pra cima a amostra pro Roger que olhava fixadamente, e Tampa de quatro pro maridinho, que olhando pra bunda da minha mulher começou a fuder a japa, foi aí que percebi pela altura do corpo dele que não era a xota que ele estava comendo, mais o cu, e com força, Tampa mordia meu pau e Danielle ficou de quatro pra mim, frente a frente, eu na xota e ele no cu da japinha, elas se beijavam, ninguém falava nada, sá gemíamos e brincávamos, foi aí que ambas ficaram de joelhos na cama, se entre olharam, nos olharam e mudaram de posição sem falar uma palavra, aí Danielle disse:

- Você não sempre quis comer meu cu amor, come o dessa japa safada! Eu vou dar minha xota encharcada pra esse tesudo!

E deu mesmo, mais o do amigo era um pouco maior e mais grosso, ela reclamou mais encarou, rebolava como se tivesse toda experiência do mundo naquilo, eu saí da estátua que fiquei e olhando pra aquele rabo delicioso, não pensei muito, meti com força no cu dela, ela gemeu alto, e disse:

- Caralho de piroca gostosa! Não é gigante mais é no tamanho do prazer! Fode filha da puta, come esse cu, come!

Em seguida Danielle levantou e levou Roger pra hidromassagem e eu e Tampa ficamos fudendo na cama, aí soltei os bichos na mulher, comi ela como podia e gozei 2 vezes, ela gozou 2 também depois de mais de 1 hora de foda sem cessar! Morreu pro lado, pensei em tudo aquilo e acreditei que tinha acabado, Danielle aparece toda molhada e arreganhada, tinha na cara dor e prazer, estava gostando, mais parecia estar no limite e estava.

Tampa do nada se levante e pede pro Roger deitar, ele ainda de pau duro deita e ela trepa nele com força, e cavalga... Ela me olha e diz:

- Meu cu tá vago, vem realizar meu sonho vem!

Ela estava deitada em cima dele e eu fui pro cu dela, na primeira dupla penetração dela, e ela gozou instantaneamente, mais segurou, pois eu e Roger tínhamos muito a foder ela, Danielle se excitou e sentou na cara do Roger que chupou ela com maestria, e Tampa chupava os peitos dela, ela não acreditou e gozou pela quarta vez e caiu semi desmaiada de lado e assim gozamos o que ainda nos restava no cu e na xota da Tampa, que em seguida caiu na cama em cima da Danielle, ambas nuas, caíram no sono sem meias palavras... Voltaram a dormir.

Sem sono eu e Roger rimos muito de tudo aquilo e abrimos outra cerveja, as 4 e meia da manha, pensei que isso afetaria nossa amizade, mais acordamos ao meio dia muito bem, rimos muito, saímos pra fazer compras no shopping na Barra da Tijuca, 2 casais felizes, e ninguém tocava no assunto, não precisava, na noite de sexta saímos de viajem pra Búzios onde fomos pra uma pousada onde conhecemos Leila e Marcelo, um casal muito quente, mais isso conto em outro conto, e vou lhes contar como Danielle deu o cu pela primeira vez e foi em grande estilo!!! Ah, Tampa adora leitinho de manha, mais se gostarem desta histária, eu conto depois com mais detalhes... Valeu pessoal!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto minha esposa rabuda deu pra familia todo na salacontos meu marido comeu minha mãecontos eroticos arrombando a gordamulheres aronbada decalcinha sujacontos eróticos vendedor externocontos erotico com primaContos eroticos Minha filha choronacontos eróticos dominado pela sogracontos pornô casal fudendo com a empregadinhameu pai comeu minha bucetinhaconto eroticocontos.virei travesti pela drogacontos de incesto de encoxada em onibusCONTOS DO CAMIONEIRO DA PICA 32CMfoi sentar no colo do tio sem calcinha e levou ferroTravest litoral contosConto gay viagem onibus longacontos eroticos amigas ci pegandonovinha de shortinho curto mostrando os pelinhos das nádegasconto erótico f****** gostoso a b******** da minha filhinha n******contos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontos eróticos mulher vai ate afazenda trepar com capatazcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteminha sogra deu o cu para o cachorro contocontos eróticos com afilhadasnovinhas de malhação se distrai e paga bucetinhasContos eroticos noviça virgemcontos de mulheres ninfomaniaca por sexoviuvo fode filho gay contonovinha p****** dando para o bodãoconto historia no citio uma cadela pitibu no ciodesemho porno ai papai gozo dentro viuconto as coroa crentecontos eroticos transei com meu melhor amigoguais sao as deusas da punhetacontoseroticos cimeram minha mulhercontos erotico filha chupando o pau do pai enquanto ele dormeencoxada em coroa em Jundiai conto realConto com foto vizinha peluda de vestido no matocontos esposa bunduda so traz problemasminha novinha tarada contoViolentei a deficiente contos eroticosConto erotico levantaram minha microsaia e me comeram gostosovi minha irmazinha de caucinha nu rabo ve contos eroticosse eu deixar no seu sobrinho como é lá dentro da piscina e gozar na sua caradopando a filha da empregada contoconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dorconto erotico muito sexo com agalera esposa puta com10 negros marido cornoBianca trabalho conto eroticoContos heroticos esposa quer muitas picascontos eróticos um casal transando na sala enquanto os pais tiram um cochiloquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?contos de sexo de tias com sobrinhostocu de proposito pornodoudodesde pequena adoro ser cadelahomem colocou sua picA ENORME NA XOTA DA CABRITA ENFIO TUDOcomendo a enteada contoschapuleta inchada no cuzinho contos seios mamadas coroascontos eroticoso passeio de barco eu meu marido e nosso peaoconto erotico minha irma me fez de privada humanaconto minha irmao feis um boquete praminjakelini meu sogro tem pauzaocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos infancia con tio sadicorelatos de ninfetas q foram arrombadas no carnavalPeguei minha cunhada de jeitinho na lavanderia contosrealizei meu sonho transar com um cavalocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos arrombando a gordatios velhos gay contos